Saturday, July 07, 2007

O regresso da Ilha... em Junho

A última imagem da Fortaleza...

... a ilha a afastar-se...

... o Farol da Berlenga (pouco nítido, mas lindíssimo)...

... a Ilha a ficar cada vez mais longe...

... e o mestre do Cabo Avelar Pessoa, que nos traz para terra, Carlos "Baleal".
Até à próxima, quem sabe em Setembro...

54 comments:

Ludovicus Rex said...

Já fui muito feliz nessa ilha...
Há anos que não vou lá.

Bom Fim de Semana

Gi said...

Deixaste aqui uma partilha com cheirinho a saudade Maria.
Tenho que ir à tua ilha. Quem sabe em Setembro ! :)

Beijos minha linda (com o mar em pano de fundo ... ouves? :) )

Maria said...

ludovicus rex

Eu também.... e ainda sou LOL
Vou lá (para lá) todos os anos.

Bom fim-de-semana

Maria said...

gi

Adorava que fosse à ilha.
Em Setembro, sim, porque agora e em Agosto tem muita gente...
Pensa nisso. Ouço o mar, sim, saí de lá agora mesmo...

Beijinhos e boa noite, Gi

Sophiamar said...

O Mar! Paixão, vida, alegria, amor, trabalho, pão...mas também a outra face...tristeza, dor, traição, morte...
É assim a vida.
Este mar dá-me vontade de viver. Amo-o. Amo a vida.
Beijinhos

joão marinheiro said...

Maria, será o mesmo Carlos Baleal com que o pai ia à pesca? Deve ser.
tenho de lhe falar nisso a ele.Obrigado por me mostrares o meu farol de memória assil ao longe. faz para ai vinte e poucos anos regressei à ilha e quase não reonheci o farol, tal o estado de abandono e degradação. Custa-me a compreender certas coisas. O mal é geral. Por isso faz anos que só os visito ao longe...Doi menos entendes não recordar como eram e como estão os lugares das memórias. Sou uma pessoa dedicada À salvaguarda das memorias e ao património maritimo que se perde todos os dias, por isso me incomoda a passividade com que se deixa perder essa memória que é a nossa herança enquanto povo ribeirinho e atlantico e marinheiro ( que já fomos...)

Abraço enquanto navego à moda antiga no meio de centenas de barcos tradicionais...

isabel said...

hoje não vou
muita gente

mas na 2ª lá estarei
no mar brilhante revolto

beijos minha linda

greentea said...

a Ilha...
ando a sonhar com a Ilha outra vez , que não me sai da memória .

Tenho de lá voltar, sem falta mesmo sabendo que a Fortaleza está degradada , o Farol e talvez muitas outras coisas e a prainha lá ao pé , aGruta Azul e tantos outros locais.
Já fui muito feliz na Berlenga; já fui uito feliz no Baleal, praia onde passei sempre as férias da minha infancia, onde toda a gente andava descalça até à hora de jantar, onde os burros nos traziam água a casa, onde não havia carros nem poluição nem luz eléctrica. E havia o Acácio e o Vergilio...
Tenho saudades , Maria e não pode passar deste ano, sanão inda lá de bengala...
beijinhos

rosa dourada/ondina azul said...

Obrigada pelas belas fotos da Ilha...

Beijinho,

Som do Silêncio said...

Bom dia!

Fotos lindas que deixa uma pessoa já a imaginar-se dentro do mar!!!

Beijo Silencioso

Maria P. said...

O cheiro da saudade...

Um beijinho muito especial*

CNS said...

Fiquei com saudades da ilha à qual não vou já há muito tempo... Talvez, volte este ano. Em setembro.

Leticia Gabian said...

A tua ilha é linda, tanto ao chegar quanto ao ir embora.

Em setembro vai ter uma quantidade imensa de fotos, não é Maroca?

Beijo grande

Maria said...

sophiamar

Então temos uma paixão comum: o Mar, este Mar.
Também eu amo a Vida, apesar de todas as curves apertadas que já ultrapassei.
E para mim o Mar é Vida…

Beijinhos

Maria said...

joão marinheiro

Pelo que recordo das fotografias que tu publicaste, com o Ti João e a Ti Maria Velha, penso que o teu pai deveria ir à pesca não com este Carlos, mas sim com o pai dele, também Carlos Baleal (Baleal não é apelido, como sabes as gentes do mar têm outros nomes que não constam dos B.I.s).
O pai Carlos tinha o Espadeiro, que passou para o filho, este Carlos (que deve ter à volta de 58/60 anos), mestre do Cabo Avelar. O Espadeiro já não existe, foi para o fundo do mar, na Berlenga, num dia de grande fola. Estava na Flandres e não resistiu ao mar.
O Farol e toda a zona da marinha na ilha foram reparados, reconstruídos, pintados, sei lá, o que foi preciso, há uns 15 anos. Mais recentemente mudaram o método de iluminação do farol, subsituiram as enormes lâmpadas, mas esta parte não te sei explicar porque é muito técnica… e eu não percebo nada disso. Dizem que foi para a luz ser vista mais distante e com outra intensidade. Para quem está na ilha, o feixe de luz é mais ténue do que com as outras lâmpadas.

Um abraço daqui, onde passaram ontem à noite veleiros todos iluminados…

Maria said...

isabel

E como eu gostava de ir contigo... mas vou para outro sítio...
Só volto lá em Setembro. Agosto tem também muita gente...

Beijo, Isabel

Maria said...

greentea

Vai lá, não esperes muito mais....
Baleal, Acácio, Vergílio, o burro a carregar as coisas de uma ponta à outra da ilha, e nós do lado de cá quantas vezes a esperarmos que a maré baixasse para podermos atravessar para a ilha, pela areia ainda molhda...
Às vezes interrogo-me quantas toneladas de areia o mar terá levado em 40 ou 50 anos, para hoje a praia ter todo aquele rochedo à mostra...

Beijinhos

Maria said...

rosa dourada/ondina azul

Vai aparecendo... Haverá sempre uma foto da ilha à tua espera...

Beijinhos

Maria said...

som do silêncio

Bom dia! (a esta hora...)

São as fotos de uma grande paixão... a ilha, e de um grande amor... o mar...

Estive a reler os "tesouros" que trouxe ontem.
Ainda há emoção por aqui...

Beijinhos

Maria said...

maria p.

É verdade, saudade e... ainda emoção...

Beijinho forte

Maria said...

cns

Já há alguns 4 ou 5 bloguistas a quererem ir lá em Setembro. Vamos combinar datas?
Lá mais prá frente, para ninguém se esquecer....

Bom fim de semana

Maria said...

leticia gabian

Penso que sim, espero que sim.
E vou ficar na ilha à espera da grande fola que sempre acontece, por volta de 20 de Setembro.
Para ver o mar em bruto, mais bruto ainda.

Mas antes das fotos da ilha em Setembro, acho que vou poder colocar aqui outras fotos, espero que muito bonitas.....

Beijão grande, Amiga

poesiadaspiramides said...

Lindo a pureza do paraiso
jinhos

Maria said...

poesiadaspiramides

Verdade que é, Luna.... um paraíso...

Bjinhos

Entre linhas... said...

Bela viagem e ter como pano de fundo o mar, a natureza e as gaivotas.
Parece um sonho..
Bom fim de semana
Bjs Zita

Kalinka said...

ESTOU
MUITO
CONTENTE...
FOI
SOFRÍVEL
POIS
FOI MESMO O ÚLTIMO MONUMENTO A SER ANUNCIADO...
MAS...
VALEU A PENA
A ESPERA.
MERECIDAMENTE...
O TAJ MAHAL É CONSIDERADO COMO UMA DAS 7 MARAVILHAS DO MUNDO.

Bom domingo.

Continuo a divulgar os meus passeios pelo Alentejo, a ultima reportagem fotográfica foi de Moura.

Maria: quando vais à ilha, ficas lá a dormir ou regressas ao fim do dia? tenho muito medo, as pessoas com quem falo e já foram às Berlengas dizem que o mar está sempre muito picado, as pessoas ficam enjoadas e vomitam, é verdade?

cõllybry said...

Delicio-me sempre nestas paisagens...

Bjca doce

Maria said...

entre linhas...

Não é sonho, não...
Vai até lá... a Ilha é que é de sonho...

Beijinhos

Maria said...

kalinka

O Tah Mahal é bonito, sim. Machu Pichu também.....

O segredo para não enjoar é NÃO ir dentro do barco, onde cheira um pouco a gasóleo.
Se fores sentadinha à ré, ou cá em cima, não enjoas...
... só isso.
Nunca vou à ilha para vir no mesmo dia. Não seria capaz. Pode-se acampar (marcação em Peniche, no Turismo) ou ficar nos quartos do Restaurante, ou ainda na Fortaleza...

Espero que te entusiasmes, Kalinka...

Beijinhos

Maria said...

cõllybry

E são bonitas, mesmo...

Beijo

Helena Nunes said...

Como é bom recordar. Passados anos e a continua a ser um santuário.
Obrigada pelas recordações.

Fui no dia 5 já tinha combinado com ele esse dia. Foi LINDOOOOOOO.
Eu sabia que alguns iriam entre ontem e hoje. Bem que devia ter lá voltado. Fui a uma seca de um casamento.
Bjos grandes e espero que tenhas gostado

Maria said...

helena nunes

Eu tenho pena de não estar cá para a semana para poder tripetir...
Foi emoção à flor da pele..........
Adorei....

Beijos

Maria said...

cõllybry

Entrando no teu blogue dá-me erro e o sistema vai abaixo!!!!!!

Efemerum said...

as ilhas e a sua magia...

como é impossível ficar-lhes indiferente!

dois anos da minha vida dedicados a São Miguel nos Açores

nunca mais fui a mesma :))


beijos

Anonymous said...

...quem sabe...
em setembro.



beijo.



(piano)

sonhadora said...

Lindooooooooooooo!
Um bom domingo. Beijinhos embrulhados em abra�os.

=^.^= Tarina =^.^= said...

Este ano quero lá voltar outra vez...

Um beijo Maria!

=^.^=

Vieira Calado said...

O cheiro da ilha,
o cheiro mar,
dá-me vontade se ir à praia
e mergulhar!
Bom domingo.

antónio paiva said...

...............

belo poema este!

escrito com imagens


........................

Beijo e boa semana

Sininho said...

Entendo muito bem o que sentiste ao tirar as fotografias enquanto o barco te ia levando para longe da Ilha..
Entendo muito bem.
É a saudade a fazer-se sentir quando ainda mal deixámos a terra que aprendemos a amar...
Daqui até Setembro é um pulo, que o Verão voa...

Beijinho

Meg said...

Mas como é que ainda não conheço esse paraíso?
Aqui tão perto. E nós sempre a olharmos para tão longe.
Um abraço

Maria said...

efemerum

Não se fica indiferente a uma ilha, não, ainda para mais quando se vive lá, como aconteceu contigo...

Obrigada pela visita

Beijos

Maria said...

piano

Gostava tanto que a conhecesses...
Obrigada pela explicação....


Beijo.

Maria said...

sonhadora

És linda...

Boa semana e um abraço desembrulhado

Maria said...

tarina

Vai sim, e aproveita o tempo lá....

Beijinhos, querida Tarina

Maria said...

vieira calado

.... bonita quadra....

Boa semana

Maria said...

antónio paiva

É a poesia da ilha...

Boa semana

Beijinhos

Maria said...

sininho

E não sabes como me custa passar o último dia na ilha, sabendo que ao fim da tarde venho embora....
Quero que o tempo passe a correr...

Beijinhos

Maria said...

meg

É caso para te dizer "vá para fora cá dentro"....
Temos sítios lindíssimos no nosso país, e muitas vezes esquecemo-nos...

Um abraço

SILÊNCIO said...

Maria
Que imagens fantásticase mágicas ...
Axo que foi por elas que ontem ao dormir mais um pouco durante a manha, sonhei que estava na Berlenga...
Lindas
Um beijo com ar do mar*

Isabel said...

Já não vou à ilha desde os meus 18 anos, como vês no século passado :).
Mas, a última vez que lá fui jurei não voltar; a viagem parecia não ter fim. Correu-me um bocadito mal!!!
Apesar disso, a semana passada avistei-a e tive saudades dela.

Bjt

Maria said...

silêncio

Para mim a Berlenga é só em Setembro.
Julho e Agosto tem muita gente...
É bom sonhar-se que se está na ilha.

Beijinhos

Maria said...

isabel

O barco grande que faz a travessia agora é outro.
Bate na mesma, se houver vaga, mas não se enjoa tanto, se viermos cá fora a apanhar ar do mar.....

Revê a tua posição, pois vale a pena... é tão linda....

Beijito

Luís said...

Volta pois, com mais imagens que nos prendam.