Tuesday, January 29, 2008

Refazendo-me


Não te reconheço
sei-te longe e distante,
mas os teus olhos sorriem
e a tua boca atira-me um beijo
que, como sempre, apanho
com duas estrelas nas mãos

(foto da Mimo-te)

66 comments:

Sininho said...

Que lindo poeminha, Maria!

Eu sabia que esse sentimento tinha o seu quê de "yô-yô"...

Beijinho

Flor Selvagem said...

Maria é linda aquela flor e o poema.
Obrigada o teu comentário na minha arvore.
Eu gosto muito dela e o teu comentário foi o máximo para mim.
Obrigada.
Beijos
Flor Selvagem

Linhas do desassossego said...

refazer-se é uma maneira de se tornar múltiplo!

abraço.

Carminda Pinho said...

Maria,
é bom que te refaças...
O poema é lindo.

Beijos

amigona avó e a neta princesa said...

Que bom, amiga! Beijos...

alice said...

bom dia, maria. agradeço a visita. reconheci este blogue assim que a página abriu :) provavelmente, não se lembra de mim, mas já tínhamos partilhado comentários antes. até tinha o seu link no meu outro blog (http://alice-mora-aqui.blogspot.com/) um beijinho.

Justine said...

Ah, hoje estás solar,dionisíaca e primaveril. Fica assim muito tempo, está bem? :)

Berta Helena said...

Tens sempre poemas tão bonitos, tão bem organizados, que nos tocam a alma! Nem sei o que te diga. Talvez só isto: gostei muito. Continua sempre.

Um beijo, Maria.

MIMO-TE said...

Maria,

Sorrio-te e gosto-te....


Mimo-te

Fernando Santos (Chana) said...

Olá Maria, poema um pouco sentido, sofrido...Boa fotografia !
Beijos

samuel said...

Gostei muito do título do post, Maria!
Por isso e como já vai sendo hábito, aqui segue com os abreijos devidos...

"REFAZENDA"
(Gilberto Gil )

Abacateiro acataremos teu ato
Nós também somos do mato como o pato e o leão
Aguardaremos brincaremos no regato
Até que nos tragam frutos teu amor, teu coração

Abacateiro teu recolhimento é justamente
O significado da palavra temporão
Enquanto o tempo não trouxer teu abacate
Amanhecerá tomate e anoitecerá mamão

Abacateiro sabes ao que estou me referindo
Porque todo tamarindo tem o seu agosto azedo
Cedo, antes que o janeiro doce manga venha ser também
Abacateiro serás meu parceiro solitário
Nesse itinerário da leveza pelo ar

Abacateiro saiba que na refazenda
Tu me ensina a fazer renda que eu te ensino a namorar
Refazendo tudo
Refazenda
Refazenda toda
Guariroba

Sombras de Fim do Dia said...

flor singela e fresca, palavras sinceras... há quem tenha sorte! :)

elvira carvalho said...

Lindo poema Maria.




Terça de gala no Sexta-feira. Por favor passe por lá a recolher o seu prémio.
Um abraço

Rosa Maria said...

Lindo poema ilustrado com uma flor amaravilhosa.

Beijinhos

Fátima said...

Neste mundo virtual feito de muitas amizades, encontramos pessoas, que de certa maneira passam a fazer parte da nossa vida, mesmo distantes..........
Há algumas que eu tenho imenso prazer em ter "conhecido", tu és uma delas.
Talvez porque tenhamos algumas coisas em comum;).
Esses sorrisos e esses beijos que nos enchem o coraçao e nos dao força e otimismo para seguir em frente........



Deixo-te uma beijoca enorme com muita amizade e carinho!!!!!

Blue Velvet said...

Maria,
também tenho uma flor destas, mas ainda não lhe pus uma legenda tão bonita como a tua.:)
Olha, agarra na raquete e dá um pulo ao meu blog.
Tens lá umas bolas para apanhar.
Beijokas

rui said...

Olá Maria

Cada novo dia é um refazer, é um acordar para a vida.

Beijinhos

Gi said...

Quando os olhos sorriem ouve-se a voz do coração!

beijos sereia

Sophiamar said...

Sempre lindas as tuas palavras. Feitas poema a qualquer hora, � saboroso ler-te.

Beijinhosssss

Um Momento said...

Linda flor( mimada:)), belos sentimentos
Sopro eu a ti, Maria ,um beijo ao teu coração...

(*)

Pitanga said...

Que engraçado! Quando li o título tive a mesma associação de idéias que o Samuel:

"Saiba que na refazenda
tu me ensina a fazer renda
Que eu te ensino a namorar."

beijos Maria e desculpa lá Samuel, a cópia.

Valsa Lenta said...

Cada aurora � um in�cio...
Mantenha sempre essas delicadas estrelas nas suas m�os... e quando estiver cansada pouse-as suavemente no cora�o.

Felicidades

Spectrum said...

Adoro a forma como sintetizas o amor.
Beijinhos, Maria.

LOURO said...

Amiga Maria, linda a tua flôr.
Espero que o teu coração, esteja como as duas estrelas, que tens nas maõs.
Bjs
Lourenço

Maria P. said...

Sejam muitas, sejam poucas, as tuas palavras dizem sempre tanto...

Beijinho*

samuel said...

Pitanga
(com licença da Maria)

Não há nada para desculpar. Os pensamentos confluentes é que fazem crescer os rios das ideias... que tanta falta fazem.

"Abacateiro serás meu parceiro solitário
Nesse itinerário da leveza pelo ar "

Abreijos

Luis Eme said...

Que maneira gira e original de apanhar beijos.

um beijo também para ti, Maria

tufa tau said...

olhos que dizem palavras de amor mesmo fechados
se perdem em trocas de olhares pedindo beijos
grande a distância e conhecem-se em acasos
em luta acessa enfrentam mil e um desejos

Pedra Filosofal said...

Uma linda flor, acompanhada dum poema lindo.
Não é a primeira vez que visito esta ilha. Fico sempre com a sensação que estou "em casa" quando aqui chego de tal acolhedor que é.
Parabéns.
Um beijo

multiolhares said...

Quando se apanha
As estrelas
O céu esta muito perto
Beijinhos
luna

Encontro de Olhares said...

Maria,

Obrigado pelo teu carinho em visitar o Encontro de Olhares.

Trazemos mais notícias, em breve.

Beijinho.
Manuela

Nilson Barcelli said...

Belíssimo, como sempre.
A belez própria da simplicidade (parece fácil...).

Beijinhos.

Maria said...

sininho

São palavras, Sininho, que podem traduzir estados de alma, seja lá o que isso for...

Beijinho

Maria said...

flor selvagem

Não tens que me agradecer, tens que fazer mais fotos....

Beijos

Maria said...

linhas do desassossego

pode ser que seja....
abraço.

Maria said...

carminda pinho

Obrigada....
beijos

Maria said...

amigona avó e a neta princesa

☺☺☺
Beijos, Amigona

Maria said...

alice

Lembro-me bem do teu outro blog, sim. Também por causa de um outro poeta que não anda por aqui há muito tempo....

Beijinho

Maria said...

justine

quando os minutos parecem horas, as horas dias e os dias uma eternidade...
... vamos ver...

Maria said...

berta helena

Irei continuar enquanto tiver palavras para escrever, Berta.

Um beijo

Maria said...

mimo-te

Não me repetindo, subscrevo...
Beijo

Maria said...

fernando santos (chana)

Todas as palavras devem ser sentidas....
Beijos

Maria said...

samuel

Sacaste-me um sorriso, Samuel...
A gente vai-se refazendo de tanta coisa....
Obrigada pela REFAZENDA

Abreijos

Maria said...

sombras de fim do dia

Concordo contigo, há quem tenha sorte.... ☺

Maria said...

elvira carvalho

Já lá fui, Elvira. Muito obrigada...
Um abraço

Maria said...

rosa Maria

Obrigada, Rosa
Beijo

Maria said...

fátima

Gosto de te saber numa fase boa e feliz...
Muito obrigada pelas tuas palavras, Fátima.

Beijos

Maria said...

blue velvet

Já fui ao teu blogue..... trouxe bolas...
... o jogo começa amanhã, lol!!!!!
Beijos

Maria said...

rui

Olá Rui

É isso que eu sei, embora às vezes me distraia....

Beijinhos

Maria said...

gi

É bom ver-te por aqui, Gi. Já te tinha visto ontem.....

Beijos

Oris said...

Então, está a passar....
Refazendo-te...
:)

Gostei de te ler e da foto....

Beijitos, Maria

Maria said...

sophiamar

São meras palavras que vão saindo, Isabel, por qualquer razão, ou sonho....

Beijinhos

Maria said...

um momento

Só assim me faz sentido....
A flor da Mimo é linda, mesmo!

Beijo em Ti

Maria said...

pitanga

É bom saber que um simples título liga mentalmente duas pessoas....
... decerto que o Samuel não se importa da cópia...

Beijos

Maria said...

valsa lenta

Enquanto as estrelas quiserem, ficam... também cá dentro...

Abraço

Maria said...

spectrum

☺))))))))
Beijinhos

Maria said...

louro

A flor foi um presente da Mimo. O resto, tem dias....
Beijos

Maria said...

maria p.

É que tu já me conheces, Maria.....

Beijinho

Maria said...

samuel

Tens toda.....
... e eu gosto!

Maria said...

luis eme

As estrelas fazem parte do nosso imaginário, desde crianças...

Um beijo, Luís

Maria said...

tufa tau

Que poeminha lindo, Tufa....
Obrigada

Maria said...

pedra filosofal

Muito obrigada, vem sempre que quiseres. A porta está sempre aberta para os amigos....

Um beijo

Maria said...

multiolhares

Se calhar, Luna, se calhar.....
Beijinhos

Maria said...

encontro de olhares

Fico à espera, tenho já o dia 10 de Maio reservado....
Obrigada, Manuela
Beijinho

Maria said...

nilson barcelli

Parece, mas são tantas vezes arrancadas de mim....

Beijinhos

Maria said...

oris

Está a passar, sim....
;)
Obrigada, Ana

Beijinhos