Friday, February 29, 2008

Porque acordar é preciso



Acordai
acordai
homens que dormis
a embalar a dor
dos silêncios vis
vinde no clamor
das almas viris
arrancar a flor
que dorme na raíz

Acordai
acordai
raios e tufões
que dormis no ar
e nas multidões
vinde incendiar
de astros e canções
as pedras do mar
o mundo e os corações

Acordai
acendei
de almas e de sóis
este mar sem cais
nem luz de faróis
e acordai depois
das lutas finais
os nossos heróis
que dormem nos covais
Acordai!

(José Gomes Ferreira)

(é a segunda vez que coloco aqui este poema.
provavelmente não será a última...)

29 comments:

Sininho said...

Um beijinho para ti, Amiga.

Carminda Pinho said...

E tanta gente adormecida por aí...
Acordai!

Beijos

T S said...

adorei seu blog
convido vc para lusitana ilusao
espero que goste
sao tres sabores diferentes de observar a vida...TS,Belle ROse,Ed.g,espero que se identifique connosco!
voltarei!

MIMO-TE said...

Querida,

Por vezes preferia andar menos acordada...

Vim deixar-te um grande beijo com todo o carinho de mim

rui said...

Olá Maria

Nunca é demais ler este lindo poema!
Precisamos urgentemente de acordar!

Beijinhos, muitos

Adriana said...

Quanto mais colocar mais pessoas podem acordar.

Dija said...

Uns são obrigados a acordar para ir trabalhar outros para ver ténis!!Fora com a vesícula...bjinho

Desassossego said...

Bem, era isto que eu precisava de ouvir hoje... vou-me já lavar a cara e a alma... por vezes esqueço-me...
Beijo doce...

Claudia said...

Hoje tenho que comentar a imagem! Porque realmente há imagens que valem por mil palavras! É o caso deste quadro. O Grito, é realmente impressionante. Consegue transmitir tudo, sem ser preciso nada mais...

Beijo minha querida

malukinha d'arroios said...

maria


grito

gritos

gritai...

se juntares a tua à minha voz e a nossa a mais alguem.... talvez que oiça...

beijo

Licínia Quitério said...

Nunca é demais. Para quando o grito que acorde o adormecimento dos justos?

Um beijinho.

As Sombras de Fim do Dia said...

Mesmo que o coloques todos os dias, haverá sempre alguém que o lerá pela 1ª vez. É fantástico!

beijinho e bom wk

Manuela said...

Olá Maria :)
Nunca é demais ler ou reler este poema. Porque "acordar" seja ele em que sentido for é um renascer sempre...
E é preciso acordar e encher as vidas de sois... e já agora rostos iluminados pela paz e tranquilidade... é preciso acordar com cor e transparência...
É preciso ser-se bom...
beijo sempre, sempre meu

tempoparaamar said...

Ás vezes não apetece estar acordada.Beijinhos bom fim de semana.Salomé

Meg said...

Maria,

Mesmo que não seja a última vez que trazes este poema, não desistas. E o GRITO de Munch, um dia se há-de ouvir, não podemos é deixar esquecer não só o JGF, mas tantos outros.
Eu dou uma ajudinha, que ainda me sobra algum fôlego.
Um grande abraço daqui

rosa dourada/ondina azul said...

Aqui estou p te deixar um beijinho,

Edna Battaglini said...

Ol� Maria,
os poemas especiais como esse com tantos significados, n�o se pode deixar de postar, vez ou outra temos que mostr�-los,assim fa�o com os que gosto no meu blog.
Desculpe a demora em retribuir sua visita, ando ausente, aqui sempre um prazer, arte e poesias - bela escolha com esse "grito" t�o inusitado e belo!
um abra�o

Lata Mágica Recife said...

Estamos realizando um mostra fotográfica virtual com o tema sobre as crianças de ruas da nossa Cidade do Recife.
Gostarimos que você desse uma olhada no nosso trabalho experimental.

Um forte abraço do Brasil dos amigos da Lata Mágica Recife.
As nossas fotos são tiradas com latas de leite.

Willam & Odilene

poesianopopular said...

Maria
Tens muita razão,é preciso acordar, provocar, alertar, abanar, lutar, para vencer!
Amanhã é junto ao palco!
Até lá!
José Manangão

Maria P. said...

Era bom sinal se fosse a última vez...


Beijinho Maria*

herético said...

infelizmente será necessário ainda mais vezes! com um "grito"...

beijos

nanda said...

Olá Maria,

Os poemas de José Gomes Ferreira são sempre de uma realidade actual e gritante.

É cómodo não acordar...

Bom fim de semana

belakbrilha said...

É urgente acordar senão deixamos de existir...se é que já existimos!

É um texto verdadeiro para os dias de hoje!...sempre actual!

bjs

Justine said...

Maria, todos a ensaiar o GRITO para amanhã, para não desafinarmos!
Até amanhã, amiga

MIMO-TE said...

É preciso sim querida.

Beijo de mim

Agulheta said...

Maria.
Pois deste quadro o Grito" que já postei algo,noutro blog,mas deviamos dar um grito bem alto e rápido,antes que o grito sufoque a vontade,de viver.
Beijinho e bom fim semana Lisa

Vai ao Mar de Chamas

Maria said...

Muito obrigada a todos que por aqui passaram.

t s

lata magica do recife

Bem vindos a este blogue - voltem sempre que quiserem.

dija

bem vinda à blogosfera
um beijo especial para ti..........


Dia 1 (hoje) é dia de luta pela Liberdade e pela Democracia.

Beijos a todos

Luis Eme said...

Também me pergunto, tantas vezes, porque razão, dormimos tanto, acordados, Maria...

abraço

Smile said...

Olá Maria,

um poema poderoso de José Gomes Ferreira com música também poderosa de Fernando Lopes Graça. É preciso Acordar sim .. já estamos a dormir faz muito tempo.

Cumprimentos,
Smile