Monday, April 02, 2012

Nós


Guardo estes nós dentro do peito. Nós que foram laços, mas que fui atando cada vez mais. Para que nunca saissem de mim. Para que ficassem para sempre.

Guardo estes nós dentro do peito. São nós que não desfaço, porque são o meu conforto em horas outras. Quando me perco nas noites. Quando me falta o nosso abraço. 

Guardo estes nós dentro do peito. Nós dos amores da saudade da luta da memória dos segredos. Porque são a minha vida. E por isso são cheios de tanto...



16 comments:

Rogério Pereira said...

Nós
Cada um de nós
guarda os nossos

Belo, tão belo que não resisti a apropriar-me do sentido

BRANCAMAR said...

Muito belo este poema Maria.
Às vezes és um rio de doce inspiração.
Os nós dos laços que guardamos e nunca nos abandonam, porque são mesmo "Cheios de tanto".

Beijinhos

mfc said...

E precisamos tantos deles...
São o nosso apoio!!

trepadeira said...

Tantos nós no peito,que não sejam na garganta,que não impeçam de gritar.

Um abraço,
mário

AnaMar (pseudónimo) said...

Nós de tantos nós, por vezes cegos de tanto verem....cegos para não se desfazerem. Há nós que são laços, acho que falas de laços, ou são mesmo nós?
É que os nós estrangulam os gestos, a voz e precisamos tanto de fazer e falar, gritar. Acho que esses nós são laços, de amor, de saudade, laços que te, NOS unem. sim, laços...
beijo com saudades.

samuel said...

Bonito!

Abreijo.

Justine said...

Nós que nos prendem à vida, que são a nossa vida!

Agulheta said...

Amiga Maria.Os nós são bem piores que os laços,os nós amarram a alma e amordaçam,os laços podem ser de emoções,ternura e afectos.
Com laços de amizade um beijinho

Vítor Fernandes said...

Eu costumo beber um copo de água.

Mas os teus nós, nós bonitos não se desfazem assim.


Gosto muito de te ler!

Pitanga Doce said...

Laços que se tornaram nós, mas não nós porque prendem e sim porque não se consegue desatar. Porque ficaram enredados, armadilhados e já nem conseguimos ver o que foi laços. É preciso achar a ponta.
Boa noite, Maria. É tarde!

Mar Arável said...

Laços para sempre

... said...

ola Maria!
as tuas palavras são uma onda muito boa num dia cheio de sol e calor.continuam a ser uma boa onda mesmo num daqueles dias cheios de vento, chuva e frio.
Adoro os teus nos. porque ficam para sempre.
um grande beijo

João P. said...

Belo Maria!

Mesmo belo!

beijo

João P.

viajantes said...

gostei muito.
Nós con(m)sentidos...
beijinho

Luis Eme said...

nós são sempre gente.

beijinhos Maria

Maria said...

Muito obrigada por terem passado aqui.
Beijos a todos.