Monday, October 26, 2009

Divides-me

Divides-me
entre escrever e ficar quieta
divides-me
entre um sorriso e uma lágrima
sou foz de todas as lágrimas
de todos os teus sorrisos
que contornam as tuas margens

todos os rios correm para mim
e se todos os sonhos correm para os rios
a mim chegarão, que sou foz

divides-me
porque entre o desistir e o investir na luta
quem não sabe o que fazer sou eu

dividias-me, agora já não me divides
porque a luta é, será sempre, o meu caminho...

37 comments:

salvoconduto said...

Ainda bem que não tens dúvidas e dito assim dessa maneira também eu fico sem elas.

Abreijos.

GR said...

LINDO!
A Luta será Sempre o nosso Caminho!

Um Grande BJ,

GR

simplesmenteeu said...

Só tu para me dividires as lágrimas e semeares um sorriso.
Só tu, para me lembrares o cheiro a pão quente e o calor que os afectos podem ter.
Gosto de vários chás especialmente se são colhidos no quintal.Um dia vou mesmo...

Abraço forte, carinhoso, muito grato
e eterno

Unseen Rajasthan said...

Beautiful words and lovely shots !! THanks for sharing.Unseen Rajasthan

zmsantos said...

E porque serás sempre uma lutadora, a luta nunca começa sem ti, (e eu já ganhei, luta e lutadora).

Beijos, muitos!

A CONCORRÊNCIA said...

Quem sabe assim com tanta determinação qual o caminho que quer seguir, nunca terá dúvidas nas escolhas que fizer.

Beijo grande

Adriana said...

Os lutadores estão sempre em constante movimento...se dividindo em mil,mas com um só coração

samuel said...

E que outro caminho poderia haver?...

Abreijo.

Carol said...

Maria,

Que a certeza da minha amizade e carinho por ti nunca te dividam nem sejam alvo de qualquer dúvida ... ;)

Uma beijoca grande, grande :)

Apenas eu said...

Eu?!!!
Maria!
:)

olha ás vezes até eu me perco :)
estou bem disposta :)

um grande beijinho

anamar said...

continua o teu percurso com a mesma determinação.
Boa viagem...
Abraço
:))

Justine said...

Nem estava a ver-te chegar a outra conclusão:))

Pico minha ilha said...

A luta é sempre o melhor caminho, Maria.

Assim como as pequenas coisas, pequenos nadas que constroem uma vida e a felicidade.

Um abraço e um beijo

Arabica said...

Desistir?

Os rios não param em ti.

Beijinhos

Entre "linhas" said...

Desistir nunca,olhar sempre em frente...
Beijinhos Zita

Pitanga Doce said...

Maria estou de volta ao lado de cá do mar. Mas valeu este "cheirinho". Ó se valeu!

Leticia Gabian said...

Essa é a AICeT que eu conheço e adoro!!!!!!

Beijão

Agulheta said...

Querida amiga. Como te comprendo nesta dividir,desistir nunca,e sempre em frente.
Beijinho de amizade Lisa

Oliva verde said...

A luta é sempre o caminho que um dia conseguimos encontrar! Ainda bem que as dúvidas se desvaneceram!
Um abraço

maré said...

entre o ficar e o partir

há sempre um caminho por trilhar

um rio por navegar, porque viver é um caminho de vai e vem como as ondas que dividem mas juntam de novo

____

beijo de maré tranquila

margusta said...

Querida Maria , e dividida fiquei entre as tuas belas palavras e a maravilhosa imagem que as ilustra.

E tu também és rio de águas espelhadas que unes margens antes de seres foz.

Segue o teu caminho!

Estive a ler algumas das tuas postagens anterioes que ainda não tinha lido... Adorei as postagens!


Querida AMIGA deixo-te um abraço muito apertado!
Obrigada Maria...Por tudo!!!

Fernando Santos (Chana) said...

Olá Maria, belo post...Espectacular....
Beijos

Baila sem peso said...

Divisões por vezes são boas...
Melhor as somas e multiplicações...
Não gosto é de subtracções
Que deixam agruras nas ruas!
Sê tu acima de tudo
Entre o sorriso e a lágrima
A poesia na nascente e na foz
E a vontade de ergueres a tua voz...

(li tudinho aí para baixo,
Não tive tempo para comentar
Mas tenho só a dizer
Dia 21 e 23...palavras a delirar
Que gostei...
Como deves calcular...:))
Beijo

AnaMar (pseudónimo) said...

Multiplica os sorrisos e os afagos que (me) faz falta o teu colo com sabor a mimos.


1001 bjs

Maria P. said...

Claro que sim:)

Beijinho, minha Maria*

amigona avó e a neta princesa said...

Sempre minha querida, sempre! Beijos

amigona avó e a neta princesa said...

A partir de Novembro começo a ter um pouco mais de "normalidade" no factor tempo. Dá para almoçarmos? Onde? Diz qualquer coisa...beijocas...

elvira carvalho said...

Muitas vezes só lutando dá para nos sentirmos vivas...
Quando puder, se quiser visitar um blogue que vale a pena vá a
http://apayess.blogspot.com/
Lá conhecerá um lutador que já passou pelas celas do seu país e que hoje embora vivendo no exílio continua a sua vida de luta.
Um abraço

ausenda said...

Sem luta nenhum caminho será descoberto...!

Um poema de muita conviccção, Maria!

Beijo

Spectrum said...

Nem tão pouco nos deixam alternativa, pois não?
Bom voltar aqui. Beijo

Rosa dos Ventos said...

Não sei se alguém já o disse mas não és só foz, és também nascente!

Abraço

clic said...

E a foto também é uma maravilha!... :)

Era uma vez um Girassol said...

Querida Maria, não te vejo a desistir de nada...
Sempre lutadora, sempre solidária.
Tens a minha admiração e respeito pelo que demonstras ser.
Beijinho da flor

Fernando Samuel said...

Muito bonito!: parabéns!

Um beijo grande.

heretico said...

bela maneira de dizer que a "luta continua..."

beijo

Maria said...

Obrigada por terem passado aqui.

Beijos a todos

Filoxera said...

Não és de ficar presa a essa divisão; és uma mulher de acção, determinada.
Beijos.