Monday, November 05, 2007

Amor-menino...


Tenho saudades de ti do teu corpo do teu cheiro
tenho saudades de te ver seja onde for
porque este amor que eu não explico salta-me
do peito com a força de quem consegue vencer
a vida e brinca aos meus pés como se fosse dantes
É tão bonito este amor que estava escondido
e que voltou ao de cima como se estivesse
mergulhado fechado nos nossos corações
É tão suave este nosso amor-menino...

115 comments:

Fernando said...

Quantas as tentativas que fizemos
para contar os grãos de areia
quantos os sonhos onde erguemos
enormes palácios de pedra.
Quantas as águas
quanta amargura...

gaivota said...
This comment has been removed by the author.
Pitanga said...

Um amor assim menino que até dá vontade de embalar.
Feliz Maria. Tu és feliz!

beijos

Pitanga said...

Ah, vai ao correio!

SILÊNCIO said...

Deixei-me embalar nas tuas palavras-meninas ...:)

Beijinhossssss

Maria said...

fernando

Faz tudo parte da vida, não é?

Maria said...

gaivota

Tenho fotos muito bonitas da ilha, sim....
Obrigada

Maria said...

pitanga

Com amores-menino/a temos que ser felizes....
Sou, ou pelo menos tenho momentos de felicidade...
... porque totalmente feliz acho que ninguém é, com o mundo que temos...

Beijos

Maria said...

pitanga

Já fui, hehehehehehe

Maria said...

silêncio

Oxalá consigas dormir bem...

Beijinhos....

Papoila said...

O amor não se explica mesmo... só se sente

Beijinhos
BF

Sol da meia noite said...

Aquilo que em nós guardamos... encontramos. Não importa o passar do tempo, porque nem tudo passa com ele (tempo)...

Beijinhos!

Ka said...

Maria,

Bonitas palavras como sempre!
E sim, quando amamos não dá para "desligar" o interruptor quando há saudades não é?

Beijo e uma excelente semana

Rosa Maria Anselmo said...

olá Maria
Poema nostálgico, poema de saudade, que ás vezes doi muito....
lindo Maria, lindo

jinhos
Rosa

isabel c. said...

e eu de ti, também já tinha :)

beijos maria

Berta Helena said...

Maria, nos últimos dias ausentei-me um pouco deste mundo, mas agora que voltei a blogar digo-te: é sempre agradável passar pela tua casa. A fotografia é linda e o poema... Olha, deixa-me sem palavras.

Um beijo.

Justine said...

É tão bonita essa ilha que tão bem retratas, é belo o poema onde retratas o amor, que às vezes pode ser uma ilha

samuel said...

Se é para ser, que seja exactamente assim!

Leticia Gabian said...

Maroca,
É o amor que fica pra sempre!

Beijo grande, amiga

Meg said...

Doce Enlevo podia ser o título, quanto a mim, claro!
E o mar numa gruta!!!
Beijinhos

Maria said...

papoila

O amor sente-se, como dizes...

Tem um dia bom.
Beijinho

Maria said...

sol da meia noite

O que é mesmo importante fica, sempre...
Beijinho

Maria said...

ka

É como dizes...
Boa semana pra ti

Beijo

Maria said...

rosa maria anselmo

Que seria da poesia sem nostalgia, tristeza e saudade? Existiria?

Um beijo, Rosa
(Pena não estares no sábado, mas já vi que vais à Anadia...)

Maria said...

isabel c.

fizeste-me sorrir.....

Beijos, Isabel
:)

Maria said...

berta helena

Espero que estejas bem... e é bom ver-te aqui.
Muito obrigada...

Beijos

Maria said...

justine

O amor é sempre bom, mesmo que seja uma ilha....

Maria said...

samuel

... é exactamente assim.....
... e é tão bom...

Maria said...

leticia gabian

Os amores verdadeiros ficarão pra sempre....

Beijão, Amiga

Maria said...

meg

Não deixa de ser um doce enlevo....
.... e um amor-menino...

Beijos, daqui

rui said...

Olá Maria

É o tal "clique" que faz despertar paixões!
O amor!

Beijinho, Maria

Isabel said...

Obrigada amiga pelo teu carinho.
Boa semana.

Bjnh

PostScriptum said...

o amor é indizivel, não?
beijo

bettips said...

Amor teu-luz ao fundo. Sempre a poesia menina...Bj

Belzebu said...
This comment has been removed by the author.
Belzebu said...

É um doce amar assim, contudo nem o consegues explicar, pois ele brota naturalmente!

Aquele abraço infernal!

isabel mendes ferreira said...

..................
boa noite Menina. assim do mar. assim do amor.








beijo............Te.

multiolhares said...

Amor menino
Vida flutuando
Nas asas do vento

Beijinhos
luna

Ana said...

Amor renascido em saudades, presente e vivo.
Um beijo.

Maçã com Canela said...

Ai Berlengas amor...
Foi aí que o teu coração criou amarras?
Um amor.. rodeado do poder de uma ilha cheia de fantasia!

;) beijinho

C Valente said...

Bela imagem o pema é amor -menino
Saudações amigas

Teresa Durães said...

j� tinha saudades daqui. ando muito ocupada/pregui�osa para blogs.
sorry

beijos

MiE said...

Ai o amor...e um amor assim que não se explica, sente-se somente.



Um beijo, boa noite.

Tiago Nené said...

gostava que colaborasses neste grande blogue colectivo:

www.bloguedasartes.blogspot.com

le os estatutos.

saberás o que fazer.

ate ja;)

Blue Velvet said...

Como tu dizes, o Amor vê-se.
Claro que se vê, sobretudo quando salta do peito com a força de quem consegue vencer a vida ( que não é o mesmo que vencer na vida, certo?).
Lindo Maria.
Parabéns

al cardoso said...

Um poema lindissimo ilustrado com uma excelente fotografia!!!

Parabens e um abraco do d'Algodres.

Litlle Bird said...

O amor-menino, o amor puro ou puro amor?
Lindo!

Som do Silêncio said...

Olá minha amiga!

Vim ler-te e deixar um beijo enorme!!!
Hoje, tenho um tema "complicadito" no meu canto...(claro que já tive que explicar imensas vezes que não é a minha história...mas enfim...)

Beijo Silencioso

Rui Caetano said...

A saudade qiuan nos invade o ser é orque a ausência nos atinge o coração. Sentir saudade é perceber a falta de alguém que nos é muito querido.
o amor-menino há-de voltar!!

Claudia said...

As saudades matam-nos, não é Maria? O que vale, é que não matam o amor!

Beijo com saudades e amor

JOSÉ NEVES said...

E como é bom amar...

Imagem maravilhosa.

Beijinhos Maria.

Luís Galego said...

é bom amar, mas a saudade pode doer muito...não é por acaso que alguêm escreveu, mais ou menos assim, esta palavra saudade, aquele que a inventou, a primeira vez que a disse com certeza que chorou...

Sophiamar said...

Belo poema1 Bela imagem!
Beijinhos

rosa dourada/ondina azul said...

Belo poema de amor emoldurado com tão bela foto !


Beijinho para ti,

margusta said...

Maria,
...vim ler-te neste Amor-menino...vim com saudades visitar a tua casa.
Perdoa ter andado um pouco afastada...
Beijinho Gande!!!

Bia said...

Olá Maria! Tu e o teu amor...
também tenho muitas saudades do meu...
Mas eu tenho saudades de um amor que só eu vivi, de um amor que imaginei pra mim, ele tem a cara do meu amor, mas a sua alma não é aquela que eu pensava ficar ligada á minha...
Eu tenho saudades do meu amor e da minha maior mentira...
Mas tenho tantas! tantas!
Venho aqui ler-Te era pressuposto apenas comentar mas também aproveito para desabafar :)
Beijos
A._TU

Um Momento said...

Embalando esse amor menino de tão suave o sentir
Sorrindo deixo um beijo
(*)

inominável said...

e o meu menino é amor... sei lá o que somos juntos...

Palavras ao vento said...

Este amor- menino, deixou- me sem palavras!

Sublime.. como só tu o sabes sentir e escrever!

Beijinhos minha querida Maria

Maria

Memórias de um Feto said...

Maria,

É tão suave a tua escrita, este teu amor-menino é tão lindo!
Apetece...

Beijinhos*
Manuela Fonseca

Memórias de um Feto said...

Até que enfim, consegui entrar no teu blog, amiga!

Não ligues a esse meu blog pk fechei essa conta.

Beijossssssssssss***

Diz-me que vais a Anadia no sábado!!! :))

Manuela Fonseca

foryou said...

Eu gosto de amor-menino :) é sempre doce, terno, amoroso :)

Sininho said...

Aqui podemos repousar um pouco na suavidade dum sentimento tão bem desenhado.

Belíssimo esse teu pedaço de mar.

Beijinho

Gi said...

Um amor menino que vai crecendo, amadurecendo e é tão bom quando assim acontece. Um grande amor nunca morre. Poderá eventualmente ficar adormecido ... para sempre .

Um beijo grande. Hoje as minhas palavras também estão "meninas", à espera de crescerem!

Noite feliz

Ch said...

Cara Maria;
Como sempre, encontra-se aqui uma harmonia genuina. Tudo entre os versos e as palavras parece combinar, como a própria ilha e seu mar ao redor, véu d'água protetor de encantos insulares.
Abraços do amigo.
Carlos

Sérgio Ribeiro said...

Olá, Maria.
Amor-menino? Gosto!
Como gostei de um "amor-ilha" dos comentários por onde passei os olhos para chegar aqui.
Como gosto, e muito, do que está antes de chegares ao amor-menino. Como gosto, e muito da foto. São tuas as fotografias?
Sóe tenho é inveja (salvo seja...) de tantos comentários. Mais de 60! É obra. Mas tu merece-los
Abraços

Amaral said...

Amor-menino, amor-criança, o amor escondido que brota de dentro...
A vida vibra doutra maneira, quando este amor se manifesta...

Alexandre said...

amor-menino, achei a expressão linda! Mas estiveste no livro do António Paiva? Mas como é possível, eu passei o tempo todo a fotografar...

Muitos beijinhos!!!

MIMO-TE said...

Saudades doces por um amor-menino.

A imagem é linda!

Beijo e mimos

Jose Gonçalves said...

Uma boa semana "miga"

José Gonçalves

Maria said...

rui

É um “clique” tão grande, Rui....

Beijinho

Maria said...

isabel

Tenho carinho por ti, sim.
Não me perguntes porquê....
Boa semana

Bjinhos

Maria said...

postscriptum

Dizem que sim, sou capaz de concordar....
Beijo

Maria said...

bettips

Não tenho emenda, mesmo...
Beijo

Maria said...

belzebu

Mas alguém consegue explicar o amor?
Apenas se sente, e vê.... e.... e..... Pronto!

Abraço fresquinho

Maria said...

isabel mendes ferreira

Boa noite, Isabel... Linda!
Como eu preciso do teu piano......

Beijo em Ti

Maria said...

multiolhares

Vida flutuando... é quase isso, Luna...

Beijinhos

Maria said...

ana

Amor VIVO!!!!!!!!
Beijo

Maria said...

maçã com canela

A ilha é um dos meus amores. Um escritor famoso escreveu um livro intitulado “eu hei-de amar uma pedra”. Pois eu amo a rocha, a ilha.
O meu coração cria amarras onde estiver o amor, a amizade, a solidariedade, a minha inquietação, por estranho que te possa parecer, onde estiver a luta.

Beijinhos
;) ;) ;)

Maria said...

c valente

Um grande abraço pra ti...

Maria said...

teresa durães

Não estejas “sorry”...
Faz apenas, e só, o que te apetecer em termos de blogs.
Porque no resto... já sabes... tem que ser...
Passeei-me pelas tuas árvores no fim de semana.

Beijos

Maria said...

mie

Um amor assim vive-se... e sente-se, claro...

Beijo, querida

Maria said...

tiago nené

Já passarei por lá, mas digo-te já que o meu tempo não é muito...

Maria said...

blue velvet

Certíssimo. Vencer a vida é outra coisa, completamente diferente...
Obrigada por teres vindo até aqui.

Beijo

Maria said...

al cardoso

Um dia destes ponho o blog de férias e vou até... Fornos ( e não só)
Estou a precisar....

Um abraço

Maria said...

little bird

Escolhe tu... as duas coisas...

Maria said...

som do silêncio

Olá Querida Amiga!

Acontece, Som do Silêncio, às vezes lêem-nos como se o que escrevessemos fosse experiência vivida....
... e a nossa capacidade de inventar? Hehehe
Gostei de te ver aqui.

Beijo enorme

Maria said...

rui caetano

Saudade é isso mesmo, o amor-menino volta todos os dias....

Maria said...

cláudia

Nunca, nunca. Porque um amor assim não morre...

Beijo com tudo, em TI

Maria said...

josé neves

Não há nada melhor
(talvez as crianças, seguramente no mesmo plano...)

Beijinho

Maria said...

luís galego

e a saudade (palavra) é tão nossa... sem tradução suficiente....

Maria said...

sophiamar

Obrigada....
Beijinhos

Maria said...

rosa dourada/ondina azul

Um beijo, rosa dourada

Maria said...

margusta

Aparece sempre que te apetecer... és bem-vinda aqui, a olhar o bugio...
obrigada...

Beijinho

Maria said...

bia

Minha querida Bia
Não chores sobre um amor que não era, que não foi (ou que foi só de um lado) porque esse não merece as tuas lágrimas.
Dá um tempo. Ao amor.
Dá-te um tempo, a TI!
Vai vivendo a vida, o melhor possível. Tens aí um amor pequenino (ainda), desfruta-o, o melhor e o mais que possas. Enquanto ela te deixa...

Beijos, tantos.... extensivos à M.
G.-TE tanto

Maria said...

um momento

Sorrio-te...
... e deixo-te um beijo

Maria said...

inominável

e é importante saber?......

Maria said...

palavras ao vento

Querida Maria

É como o sinto.... é o que sinto....

Beijinhos, querida Amiga

Maria said...

memórias de um feto

Manuela Fonseca

Às vezes os anónimos (de quem eu gosto tanto) obrigam-nos a fechar os comentários aos ditos.
Vou abrir outra vez a toda a gente, a ver o que dá...
Gostava muito de ir à Anadia no Sábado, mas tenho/quero ir a Cacilhas...

Beijinhos

Maria said...

foryou

... é um amor-menino....

Maria said...

sininho

Obrigada, Sininho...
Este mar dá-me a paz que as notícias me tiram....
Que sejas bem regressada.

Beijinhos

Maria said...

gi

E quando os nossos amores meninos vão crescendo e ficam grandes... e ficam jovens... e depois homens...
Já andei pelas tuas palavras. Já lá volto....
Um amor grande (ou um grande amor) vive sempre...

Beijinhos, Gi

Maria said...

ch

Muito obrigada, Carlos...
Um abraço

Maria said...

sérgio ribeiro

Olá Sérgio.
Juro que este amor-menino não foi inspirado em nenhuma novela que possa andar por aí...
As fotos são minhas, sim. Da ilha onde eu vou carregar baterias de vez em quando...
Não invejes os comentários, a sério...
E estou a rever-te... na N.

Um abraço

Maria said...

amaral

É verdade, Amaral, e de que forma vibra....

Maria said...

alexandre

Eu bem vi por lá um fotógrafo e uma fotógrafa...
... mas não imaginava que podias ser tu, senão tinha olhado mesmo!
... estava nos sofás....

Beijinhos

Maria said...

mimo-te

Obrigada, linda...

Mimos e beijos...

Maria said...

josé gonçalves

Estive na tua zona....
Já aqui estou, de volta.

Abraço

Vanda Paz said...

Precisava de vir aqui cheirar a tua ilha e encontrei este teu amor...tão lindo...

Beijos

Maria said...

vanda paz

Um amor-menino, Vanda, que é tão bom...

Beijos

Sininho said...

Só cá voltei para te avisar de que o número de comentadores aqui se aproxima perigosamente do número dos que comentavam no blog do Vasco Pulido Valente, enquanto manteve o blog, hehehe...

Beijinho

Maria said...

sininho

Só tu me farias rir hoje, hehehehe....
Acontece que este post esteve aqui dois dias, por isso corta pelo meio, tá bem?

Beijinhos

Fátima said...

Olá Maria!!
Que lindo esse teu amor, quando algo é verdadeiramente forte, nao poderá ficar fechado nos coraçoes, temos de vive-lo em toda a sua plenitude.



Um beijo com carinho!!!!

Maria said...

fátima

é o amor de uma vida...

Beijinho

Cleopatra said...

É terrível quando se tem saudades do cheiro de alguém
Pior ainda qdo de repente se sente como que por magia o cheiro do seu perfume.. e esse alguém ausente.