Wednesday, October 10, 2007

Conto as horas


Conto as horas e os minutos que me separam de ti
este amor, o nosso, é um amor que eu não entendo
feito de longes e distâncias no tempo e no caminho
feito de ternura e saudade de quando éramos meninos
é um amor que teima em ser o nosso amor
é um amor suave, doce e violento a um tempo
porque nos sufoca de tanto nos querermos
é um amor que é nosso e que por nós vai ser vivido
todos os dias, e de corpo inteiro!

54 comments:

SILÊNCIO said...

e eternamente...

beijinho Maria

(tenho lá um menino para ti ;))

Helena Nunes said...

Contei "as horas e os minutos" que não te li.
Lindo esse AMOR.
Bjos

Fernanda e Poemas said...

Olá Maria, querida amiga, Grande e lindo amor *****
Beijinhos!F.C.

Gi said...

Como sei que gostas, deixo-te hoje um mimo tendo em conta as tuas horas e os teus minutos

E por vezes as noites duram meses
E por vezes os meses oceanos
E por vezes os braços que apertamos
nunca mais são os mesmos

David Mourão-Ferreira

Um beijinho
(ainda estou em processo criativo :) )

Gi said...

vai-te babar com as minhas floretas , vai :) podes apagar este :))))

O Sibarita said...

É né fia? Então tá! kkkkk Agora, me diga, vem morar em Salvador? Só pode ser com essa apaixonite aguda, e ai dona moça? kkkkkkkkk

Venhhhhhhhhhhhhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Ajoelhou tem que rezar, viu neguinha? Hummmmm Ai Jesus! kkkkk

bjs
O Sibarita

bjs
O Sibarita

Sophiamar said...

Quem espera desespera, diz o povo. não lhe dês ouvidos, Maria.Nunca! O teu amor virá. Tenho a certeza. A força dos teus poemas é irresistível.

Beijinhosssss muitossssss

cm said...

seja o tempo a benesse de um sorriso

Leticia Gabian said...

Maroca,
Um amor, feito de longes e distâncias, às vezes suave e violento, sobrevive de corpo inteiro porque é de verdade.

Beijão, amiga

Ka said...

"É um amor que eu não entendo"

como me identifico por vezes com esta frase ...

Beijo e um bom dia

Sininho said...

Às vezes era bom podermos enganar o tempo, fazendo o relógio adiantar-se, quando esperamos ansiosamente por alguém.
Também seria bom fazê-lo atrasar, quando a nossa conta, em anos, já passou do desejável...
Infelizmente, raros são os momentos em que nós e o tempo acertamos o passo.

Beijinho

Berta Helena said...

Mais um momento bonito, Maria.
Tanto me enternece como me faz sentir essa nostalgia da ausência.
Esse é um amor enorme e profundo...

Beijos.

MiE said...

O teu amor dói...

"é um amor suave, doce e violento a um tempo
porque nos sufoca de tanto nos querermos"

Espero e desejo que as horas te sejam leves.


Um beijo

Pitanga said...

"Um amor suave, doce e violento" é o que nos saber que estamos vivas.

beijos Maria.

Maria said...

silêncio

... eternamente.....

Beijinhos

(obrigada pelo menino...)

Maria said...

helena nunes

É tão bom estares de voltas....
Beijos

Maria said...

fernanda e poemas

É lindo, sim....

Beijinhos

Maria said...

gi

Imaginas o que será meses durarem oceanos?
Não é tão lindo?
Obrigada, linda, eu adoro o DMF.

Beijinhos

Maria said...

gi

Não acompanhei todo o teu processo criativo.
Na segunda feira constipei-me em Sesimbra.... e fui esticar os ossos (e o recheio) hehehe às 4.
Já fui espreitar, está lá um que tenho de ver em pormenor...

Beijinhos

Maria said...

o sibarita

Ô xente, siba amigo, nem me fale em Salvador que eu fico com muita saudade...

.... e não é só do acarajé, não... é de tudo....
kkkkkkkkkkk
e só ajoelhei a Iemanjá.....

Beijo
Axé

Maria said...

sophiamar

Eu jamais desespero. O que não quer dizer que não fique desesperada pontualmente... entendes-me...
Tenho uma força proporcional à minha vontade, que é enorme.
Obrigada, Isabel

Beijinhos

Maria said...

cm

todos os dias, o sorriso, todos.....

Maria said...

leticia gabian

E tu sabes bem do que falas, amiga....

Beijão enorme

Maria said...

ka

Não temos que entender tudo, todos os dias....

Beijos e boa tarde...

Maria said...

sininho

Percebo-te, mas já viste que precipitar coisas ou encontros pode ser desaconselhável... e o tempo que temos dentro de nós é o tempo que já vivemos, e é tão bom....
Tenta acertar o passo com o relógio do teu coração... é o que tento fazer sempre...

Beijinhos

Maria said...

berta helena

É isso mesmo, um amor forte e profundo, muito....

Beijinho

Maria said...

mie

Só às vezes, também se não doesse um bocadinho não era amor enorme, não é?

Beijinho

Maria said...

pitanga

Como sabes.... isso tudo e mais o que a gente lhe quiser pôr em cima, hehehehe

Beijinhos

Fátima said...

Ai Maria o amor,
O Amor tem tantas historias como anos de exitencia.
A distancia no amor tem o dom nos demonstrar o que sentimos verdadeiramente
Nao sabemos viver sem amor e por muito que nos possam doer todas as ausencia, a recompensa quando o temos é estremanente saborosa.
um beijo enorme e que o reecontro te possa trazer toda a felicidade desejada!!!

AJO said...

... e assim é o amor... e assim se vive o amor...
bonitas palavras ... uma a uma formaram esta bela mensagem trazida no seu texto...

TINTA PERMANENTE said...

Há quem fale de loucuras quando fala de Amor; é asneira, é pleonasmo: o Amor é, em si mesmo, uma loucura...
Abraço.

Ch said...

Gostei de ler-te por aqui.
São belos versos, falando de belos sentimentos, e da distância que parece não arrefecê-los.
Porque são verdadeiros!
Abraço do amigo.
Carlos

João Cordeiro said...

O tempo e o amor... que simbiose perfeita.

Saudades de te ter nos meus sonhos


Beijinho sonhador

Pitanga said...

Maria, o que conta é a "pegada". ehehe

rosa dourada/ondina azul said...

Um amor para todos os dias !!!


Linda, sonhadora Maria,
um beijinho te deixo,

AnaG. said...

"...feito de ternura e saudade de quando éramos meninos"

Só um grande amor pode ser recordado assim...

Beijitos

said...

Abana, treme, mas não se desagrega…

malukinha d'arroios said...

se o amor tivesse cheiro
cheirava a maresia,

se o amor tivesse nome
por certo que era maria,


abracinho

voi indo

Maria said...

fátima

assim é.....
obrigada

Maria said...

ajo

há dias assim, que posso fazer?
obrigada...

Maria said...

tinta permanente

Não posso estar mais de acordo contigo...
Abraço

Maria said...

ch

claro que são verdadeiros....
Um abraço

Maria said...

joão cordeiro

:-x

beijo

Maria said...

pitanga

Pitanga, é, mas cuidado, hehehehehehehe

Maria said...

rosa dourada/ondina azul

... de todos os dias....

Beijinho, linda

Maria said...

anag.

Mas é um grande amor, Ana....

Beijinho

Maria said...



nunca, espero.....
gosto de te ver activo e por aqui....

Maria said...

malikinha d'arroios

rimas com facilidade....
obrigada

beijinho

Papoila said...

o teu amor....

beijinhos
BF

Sol da meia noite said...

Contar as horas e os minutos que nos separam de quem amamos... que ansiedade... tortura mesmo...
O tempo parece não passar, para depois passar a correr.

Pois vive esse amor "doce e violento a um tempo".
Gostei da expressão...

*

Maria said...

papoila

... o meu amor....

beijinhos

Maria said...

sol da meia noite

é uma expressão.......
o amor é sempre bom...

Vanda Paz said...

É existem amores assim... se existem...

Beijos

Maria said...

vanda paz

Eu não invento nada.... apenas escrevo o que sinto....
... existem, sim, tenho pena de quem nunca os viveu.

Beijinhos