Sunday, October 07, 2007

Porquê


Porque é que este amor tem que nos doer tanto
porque é que não podes estar aqui abraçado a mim
porque é que não podemos dar-nos em ternura, todos os dias
porque é que as águas mil que tenho nos olhos teimam em saltar
quando o que eu quero é apenas suportar esta distância...

72 comments:

Alice Matos said...

A vida é cheia de porquês... Experimenta perguntar "para quê..."

Beijo grande...

joão marinheiro said...

Existem amores assim, que doem para lá do sentir. Para lá do tempo, para lá do sal nos olhos. A foto tão terna, e logo hoje, que passei a tarde a recordar a ilha em família…
Beijo daqui enquanto salvo barcos.

Carlos Ramos said...

Será uma fotografia da minha terra, da minha água? Nau dos Corvos e Berlenga ao fundo?

C Valente said...

tantos porquês, no amor e na vida não importa os porquês , mas os sins e o amar
Saudações amigas com um beijo

Ch said...

Olá, Maria;
.
Eis-me aqui de volta à ilha.
.
Acerca da postagem, quero crer que o amor comporta todas esses questionamentos. Simplesmente porque não é fácil explicá-lo nem desmistificá-lo.
Torná-lo simples seria torná-lo pobre...não é?
Abraços do
Carlos

MiE said...

Quando se ama a distância dói.


Estou com a Alice, pergunta para quê...


Uma boa semana

beijos

Sol da meia noite said...

Uma das coisas para a qual não encontro explicação, é o sofrimento.
Mas ele existe e não há como não o sentir... está em nós.

Beijinhos!

Gi said...

Porque questionamos sempre tanto?

Que adianta saber o porquê se tudo se mantém ...

Deixemos isso para o menino
que pergunta porque voa o passarinho, sentado ao colo de sua mãe. Terá ela resposta? Saberá responder? E se ela lha der, ele vai entender?
Alheio à conversa , porque não entende a voz, continua o passarinho a voar, sem sequer se importar, com a dúvida que pesa em nós.

Olha no que dá o sono! lol

beijos

SILÊNCIO said...

suportamos tudo
TUDO

Um bom domingo

Beijinhos

sveronica said...

Há quem diga que amor que não dói, não é amor...As vezes é como saltar de um precipício e o paraquedas não abre...

Deixo meu cheiro nesta Ilha!

Beijinhos

Maria said...

alice matos

Já passei essa fase.......

Beijinhos

Maria said...

joão marinheiro

É tão bom recordares a ilha em família.... quantas estórias, imagino o pai não contou...
Os amores são, apenas....

Um beijo, daqui

Maria said...

carlos ramos

O que achas? Será? hehehehehehe
(tirada há 3 dias...)

Maria said...

c valente

os porquês fazem parte da vida, logo fazem parte do amor....

Um beijo

Maria said...

ch

É, assim mesmo, como dizes.....
É assim também o amor....

Abraço

Maria said...

mie

Eu sei os "para quê"s, só não entendo, às vezes ops "porquês"...... que fazem parte da vida, e até da morte....

Beijinho

Maria said...

sol da meia noite

O sofrimento faz parte de nós, da vida.....
... senão, como seria?

Beijo

Maria said...

gi

E porque pensamos tanto?
Se não pensássemos, não questionávamos.....
Gostei do teu menino, do passarinho e... do teu sono... LOL

Beijinhos

Maria said...

silêncio

Pois suportamos, e nem tu sabes quanto......
O teu TUDO é TUDO mesmo, com letras ainda maiores...

Beijinhos

Maria said...

sveronica

Gostei da imagem que deixaste aqui.....
... e do teu cheiro nesta ilha de cheiro tão especial...

Beijinho

Sophiamar said...

Estive ali mesmo naquelas pedras a semana passada. A tua ilha estava envolta em nevoeiro, mas senti o cheiro a maresia,lembrei-me muito de ti e destes poemas fantásticos. tantas interrogações, amiga! O amor é mesmo assim. Hás-de conseguir tê-lo sem dor.

Beijinhos

rascunhos said...

são essas e outras interrogações que nos enchem a alma de incertezas ...

tem um dia feliz

beijo

adrianeites said...

essas respostas nos ate as sabemos mas .. custa entender...~

fj said...

Um não querer de quereres, porque(ê)tem que ser assim?
Bonita imagem da Ilha.
Adoro esta parte do Cabo, gosto da «nossa» região :p
beijo maria

Ps:Gosto de te ler (os textos) da 1ª à ultima palavra, as vezes quando não entendo,repito a leitura com mais calma ;)

Justine said...

Dor em forma de poema, com Berlengas ao fundo como horizonte calmo mas longínquo, e em primeiro plano a dureza das rochas nuas.
Belo conjunto metafórico...
beijo, Maria

Sininho said...

É que somos feitos de matéria complicada...
De cada vez que o coração bate com mais força, começam a formar-se no cérebro perguntas inquietantes.
O AMOR dá-nos cabo do coração e da cabeça...
Apesar disso, viver sem ele não presta.

Beijinho

Tó-Zé said...

Algumas perguntas que fazemos a vida dá-nos respostas, mas não são assim tao obvias.

Gostei muito.

beijinho
passa lá

samuel said...

Vou copiar (com vossa licença) os cartazes do Adriano e botá-los no meu "cantigueiro".
Juro que não é por o meu nome lá estar...
Abraço.

a.castro said...

Maria, agradeço o teu comentário no meu post Maria Bethania.
Beijo.

isabel mendes ferreira said...

:((((
___________________.
não sei que Te diga.


o amor. tem coisas.


________________

beijo.

arealmar said...

as distancias são sempre amargas
beijos

DE-PROPOSITO said...

Olá.
Se a proximidade fosse contante, haveria a saturação. E esses porquês, deixariam de existir.
Fica bem.
E a felicidade por aí.
Manuel

Maria P. said...

Sem resposta...

Beijinho Maria.
Maria

Maria said...

sophiamar

Estivemos nos mesmos sítios nos mesmos dias...
A ilha é sempre linda, ainda que envolta em nevoeiro.
E o amor é. Assim...

Beijinhos

Maria said...

rascunhos

.... desfeitas, tantas vezes....

beijo

Maria said...

adrianeites

;)

Maria said...

fj

são dias.... e há uns melhores que outros....

também gosto da nossa região...

Beijo

Maria said...

justine

Tenho dias em que me apetece "voar" e "aterrar" na ilha, e ficar por lá.... mesmo lá em cima....

Obrigada, Justine
Beijo

Maria said...

sininho

Também se não fosse assim a vida seria tão monótona....

Beijinhos

Maria said...

tó-zé

são apenas interrogações que não vão ter resposta...
já passei por lá, e gostei. continua.

Beijo

Maria said...

samuel

Leva daqui o que quiseres e/ou precisares.
Gostaria que este cartaz estivesse em muitos mais blogues....
Vemo-nos, por lá.
Abraço

Maria said...

a.castro

Não tens que agradecer.....
Beijo

Maria said...

isabel mendes ferreira

tem, sim...

***********
obrigada

beijo

Maria said...

arealmar

Assim é...
beijo

Maria said...

de-proposito

A saturação... é sim.
Boa semana
Fica bem

Maria said...

maria p.

Pois.....

Beijinho, Maria

Nani said...

Passamos a vida a perguntar "porquê?"

Porquê???? upsss ;)

Beijinho

Nani

Ana Patudos said...

Vim visitar-te e dar um grande beijinho.
Fica bem e feliz
Ana Paula

Claudia said...

Posso fazer meus os teus porquê?

Como te entendo Maria...

Beijo percebido

AnaG. said...

Começamos desde pequeninos com os porquês e irão acompanhar-nos pela vida fora, sem nunca termos uma resposta....

Boa semana.

Beijitos

Gi said...

O meu sono deu no que deu. Não sei se sonhei acordada ou se foi algum pesadelo :) . Amanhã já se muda :)
Só agora vi os teus selos. Porque é que os teus não estão aí ao lado ao pé dos outros? Hum ? :))))

beijos

Porque Te Amo said...

"porquê" não é maria? :s

qd um dia achares a resposta partilha-a comigo...

1beijo... assim... entre pianos...

elvira carvalho said...

Tantos porquês Maria. Será que a culpa não é nossa?
Um abraço

Beti said...

Oi!

A beleza da vida está em podermos questionar e tentar arranjar respostas às nossas questões!
Tu assim o fizeste...
Tenta encontrar essas respostas no teu coração e enredá-las no novelo da vida!
Beijo doce!
Passa lá!:)

veritas said...

E o que é uma vida sem "porquês"?

Bjs. Boa semana.

Maria said...

nani

Porquê?????

Beijinhos, linda

Maria said...

ana patudos

Uma boa semana para ti, Amiga

Beijos

Maria said...

claudia

Podes....
Espero que, apesar de tudo, por razões difeentes...

Beijo percebido, Cláudia

Maria said...

anag.

Pelo menos a resposta que a gente quer.... não é?

Beijinho, Ana

Leticia Gabian said...

Nunca iremos saber, amiga. Ainda que saibamos, não aceitaremos sem sofrer.
Beijo enorme, Maroca

Maria said...

gi

Se bem te conheço..... não digo mais.
Estes selos hão-de vir aqui para a barra lateral uma noite destas. É que tinha lá os dos tomates e dos grelos, e quando ia pôr outro desorganizei-os todos.
Um dia destes (uma noite destas, pois quer tempo e paciência) vão estar lá todos.

Beijinhos, Gi

Maria said...

porque te amo

Quando eu achar, eu digo-te...

Um beijo, assim...

Maria said...

elvira carvalho

Pode ser, não sei....
Abraço

Maria said...

beti

Obrigada pela visita e pelas tuas palavras
Beijo

Maria said...

veritas

Uma sensaboria, decerto......

Beijo

Maria said...

leticia gabian

E tudo isso faz parte da vida, não é?
Acho que é hoje que vou provar a Seleta.....
Já te digo...

Beijão enorme

Rosa Maria Anselmo said...

Olá Maria
Há tantos porquês... sem resposta!!!
belo o seu blog

conhecemo-nos na Amadora, aquando do lançamento do livro da Manuela Fonseca. Prometi vir visita-la e aqui estou!
jinhos
Rosa Maria Anselmo

Maria said...

rosa maria anselmo

É verdade, naquele dia chuvoso.... mas cheio de calor humano.
Muito obrigada, já vou ver o canto da rosa.

Beijo
Maria

Ka said...

pois....sem palavras por te perceber bem.

Beijo e boa semana

Maria said...

ka

Boa semana
Beijinhos.....

O Sibarita said...

Tô dizendo, tô dizendo! kkk Ô múie apaixonadíssima Deus meu! Sei não... Será! Tomara viu fia? kkkk


bjs
O Sibarita

Maria said...

o sibarita

Tá dizendo......
e eu....
"manda a criançada com a empregada....
quero, lá rá lá, lá lá rá lá lá lá
porque que tô voltando........"

Um dia destes, eu volto sim!

Beijo