Tuesday, January 20, 2009

Renascer: Que


Pelo rio

Pela corrente

Pelo vento

Pelo sangue da lágrima caída

Pela retina

Pelo desejo

Pela vontade

Possamos renascer também...

... no vai e vem de cada maré cheia...



51 comments:

Joao P. said...

Apoiado

E outra maré cheia nascerá da maré vaza.

E por ti também

Bonito sim senhora

Beijo

João

samuel said...

É o que vamos tentando... todos os dias.

mfc said...

Gosto desta tua força de viver.

Poeta Eterno said...

Talvez nascer no sentido mais estrito da palavra, como se nunca tivessemos nascido, mas soubessemos de tudo!

Eduardo Aleixo said...

Muitas vezes pelas marés das lágrimas...
Beijo.
Eduardo

Pedro Branco said...

Sou forte onda que se inventa
Poder de dentes bem cerrados
Cada lágrima uma dor branca e cinzenta
Que me cobre os punhos fechados

Sou livre em todos os abraços dados
Nas memórias das nossas vidas sangrentas
Sabemos que as nossas lutas só são fados
Se não formos a onda que se inventa!


Eu sei que tu és, Maria.

Maçã com Canela said...

A cada dia que passa Maria...
Renascemos em cada amanhecer...

Um beijo

salvoconduto said...

Renasçamos mas livres.

MisteriosaLua said...

Era tão bom!

BlueVelvet said...

Onde vais buscar essa força não sei.
Mas talvez ao mar.
Beijinhos

mié said...

digo com o mfc

Gosto desta tua força de viver.

beijo grande

maria ilha

vida sempre.

mié said...
This comment has been removed by the author.
mié said...

Fui eu que apaguei o de cima...

Estou a ver o Open.
É só um distanciamento. Há coisas que mexem comigo. A razão está lá... por baixo...
...

Um beijo

enorme

Boa noite de Open :)

Isabel said...

A nossa vida é uma sequência de marés: ora alta, ora baixa.
Mas é no mar que nos vemos e que renascemos todos os dias.

Beijinho, minha querida

Goldfinger said...

Renascer sempre, todos os dias, todas as noites, acompanhando as marés.

Tem uma boa noite


GOLDFINGER

Delfim said...

É... tens razão!
bj

Goldfinger said...

Olá Maria

Bom dia. Ainda ninguém se queixou das letras de código da caixa. Tentarei ver se algo se passa com o sistema, mas não tenho problemas com ninguém. Também não recebi email nenhum e por isso ainda não tinha reparado em nada.
Não te preocupes que estas coisas acabam por ir ao lugar.
Desejo-te a continuação de uma boa semana,

GOLDFINGER

De Amor e de Terra said...

e se o não conseguirmos, que a certa altura isso vai acontecer, Que possamos deixar Rastos de Luz!


Beijos Amiga

Parabéns, muito belo!!!!



Maria Mamede

utopia das palavras said...

Em cada maré,
em cada onda,
em cada espraiado
de (a)mar...
renasçamos...!

Um beijo, Maria

MPereira said...
This comment has been removed by the author.
Teresa Durães said...

e na sétima onda, a demonstração da grandeza

fj said...

Tão curtas palavras e tão lindas.
Podiamos ser como as Marés...mas não!
Beijos para ti Maria
Pelo rio
e Pela corrente de desafios cheguei aqui. Maria
foste seleccionada no meu blog para um desafio, para o qual tb fui vitima...ehehehhe!

Ana Camarra said...

Belo conjunto de palavras, Maria!

beijos

Violeta said...

Maria
é o que nos vale, as marés...
um bj

Carla said...

e renascer é encontrarmo-nos na força das palavras que como estas que tu nos deixas crescem em nós.

Deixei nos "desalinhos" um selo para ti, se puderes gostava que aceitasses principalmente porque o "Blog de Ouro" é atribuído a mulheres que, para mim, fazem a diferença na blogosfera...e esse é o teu caso
beijos

Arabica said...

Convoco-te a ti também, Maria.


Porque o Sê-lo transparece.


Há muito que conheço o teu blog :) de outras marés e de outros navios que vesti e naveguei.

Parabéns :)


Beijo

Rosa dos Ventos said...

E renascer é preciso!

Abraço

Justine said...

Belo, Maria, o teu vai e vem de esperança!

lgb said...

Até os dias renascem em cada aurora...

Beijinho

Pico minha ilha said...

Renascer também renasci espero que a maré não vaze tão depressa outra vez.Sim Maria como sei que voltam outra vez, são muitos anos já umas mais fracas outras muito intensas,hoje bem melhor.Um beijo Maria

paula barros said...

Muito bonito. Me senti próxima do mar, senti a brisa de suas palavras.

A vida é um eterno renascer.

abraços

belakbrilha said...

RENASCER...
É isso que eu procuro!

Obrigada pelo incentivo, mas só agora acabei a mesma postagem, faltava algo!

Beijos...até breve

Artur Gonçalves Dias said...

Maré de bonitas palavras de um artífice claro.

Saudações

Nilson Barcelli said...

Há mil e um motivos para termos vontade de renascer.
O teu poema é inteligente, gostei imenso.
Beijo.

Apenas eu said...

Se tivesse que me descrever, seria assim, tanto de felicidade como de tristeza...
Seria sempre uma onda a rebentar contra uma rocha... uma onda louca, perdida a bater constantemente até se sentir a maré cheia...

beijos Maria
ptgtmevgsjmueappttmsdntcdsl

flashes... said...

Renascer é reviver,um retorno,um vaivém como as ondas,umas mais profundas outras mais altas,o contorno da vida.
Uma visão muito coerente e verdadeira.
Bjs Zita

NunoSioux said...

Renascer é tão bom........

O melhor é mesmo tudo o que ainda virá!!!

Beijo

Agulheta said...

Viver é um pouco como as marés! Umas vezes ondas fortes outras calmas e serenas,como um belo amanhecer.
Beijinho


Lisa

mundo azul said...

____________________________

Muito bonito o que você escreveu!

Beijos de luz e o meu carinho...

___________________________________

Leticia Gabian said...

Quanta beleza, Maroca!
Quanto sentimento por trás das palavras...!


Beijo no coração, amiga-irmã

Mar Arável said...

Força camarada

as velas ardem ate ao fim said...

Yes We Can!

bjo

mdsol said...

Renascer! Sempre!
:)))

Duarte said...

É nesse vai e vem que se acaba uma vida...
:))

Fernando Samuel said...

E a verdade é que... renascemos mesmo...



um beijo grande.

Maria said...

Muito obrigada por terem passado aqui.

Beijos a todos

heretico said...

uma força da natureza. a tua...

beijos

joão marinheiro said...

Todas as marés que vão retornam...
Abraço com mar

Maria Clarinda said...

Lindo, Maria...O mar sempre a força do n/mar.jhs

Filoxera said...

Deixei-te um desafio. Já sabes, à vontade, responde se te apetecer e como de costume, estou à espera que não cumpras as regras, eh, eh, eh...
Beijos.

Ana said...

Com tão poucas palavras se faz um grande poema!

Beijinho