Tuesday, August 14, 2007

Este amor

(Museu de Arte Moderna da Bahia)


Este amor que eu tenho
e que és tu
envolve-me absorve-me alimenta-me
e faz-me sonhar
o que não podemos ainda viver
porque este amor que eu tenho
e que és tu
é um amor reprimido controlado e sofrido
mas ao mesmo tempo
tão cheio tão intenso tão forte
que ninguém
o pode arrancar
de dentro de mim

52 comments:

Carlos Ramos said...

Palavras directas e sinceras falam de coisas importantes.
Parabens pelo poema e pelo blog

Leticia Gabian said...

Maroca,
A foto, é o seguinte!!!!
E as tuas palavras, e esse teu amor, e o tanto que vive entranhado em ti, e o tempo que ainda há de chegar.... Pra isso, amiga, me faltam as palavras.
Beijo grande

Pitanga said...

Se tem que ser reprimido, controlado e sofrido, que seja então...mas que seja AMOR. E só.


beijos Maria.

O Sibarita said...

Ah bom dona Maria o amor! Sim, o amor é isso e mais aquilo...

Quanto a foto do museu tá muito legal mesmo!

bjs
O Sibarita

Cadinho RoCo said...

Que maravilha o florescer de amor tão intenso.
Cadinho RoCo

Bruno said...

lindíssimo

isabel victor said...

Bom dia, Maria !

Ai o AMOR
Ai o AMOR ...

Amar e viver. É bom !

B*

De Amor e de Terra said...

Esse Amor imenso, jorrando como fonte!!!

Como te compreendo Amiga.


Muito belo tudo!

Beijo

Maria Mamede

joão marinheiro said...

Tu sabes, que são os amores sofridos, reprimidos, ausentes. Demasiado ausentes, os amores que perduram escondidos num cantinho da memória tão nosso. Tu sabes...

Beijo hoje em dia de lembranças intensas.

Maçã de Junho said...

há um samba brasileiro que diz assim:
"Quem já passou por essa vida e não viveu
Pode ser mais mas sabe menos do que eu
Porque a vida só se dá a quem se deu
A quem amou a quem chorou a quem sofreu
Ah quem nunca curtiu uma paixão nunca vai ter nada não"

Não sei de quem é, mas lembro-me montes de vezes dela...


Maria, Boa semana, bom Agosto!

beijo grande
M

Maria P. said...

E esses são os amores mais puros, genuínos, mesmo que não vividos.

Um beijinho e bom feriado*

Fernanda e Poemas said...

Maria, querida amiga, cá estou eu de visita.
Que linda foto e o teu poema tão sentido.
Adorei!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Beijinhos e um xi coração,

Fernanda

Edna B. said...

coisa mais linda falar de amor, sente-se intensidade nos versos, cada vez mais acredito nesse sentimento, o amor é algo maravilhoso, concorda?
abraço grande

António Melenas said...

È isso Maria. O Amor, ou é assim ou não é Amor.
Obrigado pelas tuas visitas, que muito me sensibilizam,apesar das minhas ausências...
-----
Se não Leste no DN, de hoje, a crónica do Baptista-Bastos, lê-a no meu outro blogue
"enquantoenao". Vais gostar
beijinho

isabel mendes ferreira said...

....estive por lá...há dois anos...

_________________e entendo esse "amor"...


________________e tens razão.:) depois fecho...e só reabro no regresso...

obrigada Maria.


beijo.

brisa de palavras said...

Não deixes o amor terminar...abre.o sempre...
um abraço
brisa de palavras

isabel said...

reprimido.apetecido.dorido.muito.

beijos maria

Vanda Paz said...

Ás vezes era melhor que arrancassem... ás vezes penso que sim...

Beijos

Manuelinho said...

Porque tem sde ser reprimido? Amor não se reprime.
Beijo

Paulo Afonso said...

Belo!
É o Amor que provoca tudo...
Beijo

Alexandre said...

Há coisas que nem a maior tenaz é capaz de arrancar de dentro de nós...

Muitos beijinhos!!!

Maria said...

carlos ramos

Muito obrigada pela tua visita. Permitiste-me descobrir-te e conhecer-te…

Maria said...

leticia gabian

Hoje estive a pôr a leitura dos blogs em dia. E li coisas muito bonitas. E choveu por aqui. E ainda chove…

Beijo grande, Amiga

Maria said...

pitanga

No meio de tanta emoção hoje, fizeste-me sorrir…
Terá que ser isso tudo, mas é amor com A grande, sim…

Beijinhos, Pitanga

Maria said...

o sibarita

Já tenho saudades de Salvador, tantas…
Se eu pudesse, quando eu puder, sei lá, talvez me mude para aí…

Beijos

bettips said...

Porque todo o mundo é composto de mudança...
Eu sou apaixonada pelas tuas ilhas, de amores! Bjinho

Maria said...

cadinho roco

É tão bom ver-te por aqui! Tenho saudades dos peixes…

Maria said...

bruno

Obrigada. Fui hoje ao teu novo blogue…

Maria said...

isabel victor

É bom, sim…
Tem uma noite feliz…

Beijo

Maria said...

de amor e de terra

Quem ama assim, compreende-se…
Muito obrigada, Maria Mamede

Beijo

Maria said...

joão marinheiro

Sabemos. E já hoje me emocionei tanto contigo…
Apetece-me dizer “bolas, nem o conheço, nem sei como é, talvez o que escreva seja tudo mentira”. Mas não pode ser. Porque só quem sente, como TU, consegue escrever como TU.

Um abraço do tamanho da ilha que conhecemos.
Solidário e sentido.

Maria said...

maçã de junho

Vinicius. É do Vinicius. Como só ele sabia escrever…

Aqui vai, toda para ti…

Como dizia o poeta

Quem já passou por essa vida e não viveu

Pode ser mais, mas sabe menos do que eu

Porque a vida só se dá pra quem se deu

Pra quem amou, pra quem chorou, pra quem sofreu

Ah, quem nunca curtiu uma paixão nunca vai ter nada, não

Não há mal pior do que a descrença

Mesmo o amor que não compensa é melhor que a solidão

Abre os teus braços, meu irmão, deixa cair

Pra que somar se a gente pode dividir

Eu francamente já não quero nem saber

De quem não vai porque tem medo de sofrer

Ai de quem não rasga o coração, esse não vai ter perdão

Quem nunca curtiu uma paixão, nunca vai ter nada, não



Beijinhos

Maria said...

maria p.

São sim, mas vivido foi, sim

Beijinhos

Maria said...

fernanda e poemas

Obrigada, muito. É bom saber-te aqui, sempre…

Beijinhos

Maria said...

edna b.

O amor é o motor a vida…
Abraço

Maria said...

antónio melenas

Já te li todo!
E o amor só vale a pena se for assim…

Beijinhos, meu Amigo

Maria said...

isabel mendes ferreira

Gostava tanto…
… mas eu vou voltar lá. Um dia destes.
Eu fico à espera.

Beijo, Isabel

Maria said...

brisa de palavras

Não deixo não, o meu Amor não termina. Nunca…

Abraço

Maria said...

isabel

Muito… tanto…

Beijos, Isabel

Maria said...

vanda paz


E o vazio que ficava?

Beijos

Maria said...

manuelinho

Não sou eu que reprimo, mas há amores que são reprimidos, sim, e não deviam ser.
Beijo

Maria said...

paulo afonso

Verdade, o Amor é a força que nos move…
Beijo

Maria said...

Alexandre

É isso, nem tenaz nem nada…

Beijinhos, Alexandre

Maria said...

bettips

Troquemos-lhe as voltas porque a noite é uma criança…
;)

Beijinhos

Leticia Gabian said...

Maroca,
Mas se vieres viver aqui e eu aí... Vai ser uma troca e tanto! Hehehe!

Maria said...

leticia gabian

Não fosse Salvador uma cidade tãoquente, e eu dizia-te já.....

Beijão

ap said...

.......

Mulher eternamente apaixonada, gosto de te ler assim


(desculpa a minha ausência)

................

Beijo e noite serena

Maria said...

ap

Não me peças desculpa, TU!
Apaixonada sim, sempre!

Beijinho

herético said...

o amor alimenta-se de uma boa "dose" de impossibilidade.

excelente.

Maria said...

herético

É assim que o amor é gostoso....

Sahmany said...

Liiiiiiiiindo poema. lindo mesmo!

Maria said...

sahmany

Obrigada.......