Thursday, August 20, 2009

Sempre esperei por ti


Sempre esperei por ti. Pelos sonhos que queríamos sonhar.
No meu leito o silêncio e o frio.
Sempre esperei por ti. Pela vida que queríamos viver.
Nos meus braços a ausência e a saudade.
Sempre esperei por ti. Pelos beijos e pelo amor, que era nosso.
Em mim a dor do impossível.
Sempre esperei por ti. Tenho o teu nome em cada flor e em cada janela.
Mas não te tenho a ti.
No entanto, sempre esperei por ti...

(faço uma pausa. necessária...)

38 comments:

Apenas eu said...

As tuas palavras Maria...

"sempre esperei por ti..."

nem sempre se está perto de quem se ama, no entanto sempre se pode esperar que um dia, esse dia chegue...

beijos Maria

epceb?

Eu said...

Curioso... ia jurar que já tinha lido este poema ha dias atrás ... e tou baralhada..>:) - É lindo

greentea said...

vale a pena a espera ...
os melhores momentos vêm depois

M. said...

Obrigada pelos desejos de boas férias que me deixaste. Por aqui vejo que também vai haver pausa. Que ela seja relaxante.

Papoila said...

Bonito momento de espera.

Um beijinho Maria
BF

Filoxera said...

"Sempre esperei por ti. Tenho o teu nome em cada flor e em cada janela."- que dizer? Que adoro a tua escrita. É forte, transmite um amor grandioso. Há intensidade no que dizes.
Um abraço.

Carminda Pinho said...

Estou sempre à espera de me surpreender quando passo por aqui. E de novo aconteceu.

Fica bem, Maria.
Beijos.

Cris Caetano said...

Ou sonhar que esse dia chegue e também pode ser que esse dia não chegue nunca...

Beijinhos, Maria

paula barros said...

Também coloquei folhas no meu blog.

As vezes esperamos alguém ou algo que nunca vem.
As vezes nos esperam e não podemos ir.
As vezes o tempo passa, as folhas caem, virão outras estações
A vida é feita de ciclos....

Que esteja bem na sua pausa. Sentirei falta.

bjs

anamar said...

Maria, poço de saudade...
Beijinho
:))

carmen said...

olá,
mais uma vez sinto minha, tuas palavras.
Lindo poema.
vou te escrever,
bjs baianos

Fernando Samuel said...

Mesmo assim, vale a pena esperar...

Um beijo grande.

Justine said...

Faz então uma pausa, no teu cansaço e nas tuas mágoas!
Que voltes remoçada:))

Mie said...

...ai o amor!!

cada vez mais Poeta

Maria ilha dos amores

um beijo enorme.


(obrigada pelo prémio...depois venho cá busca-lo. acho que imerecidamente, mas prontus, tá lá sabes:))

Melita said...

e será que vale a pena esperar ?
Nem sempre vale...

Bjitoooooo

isabel victor said...

Maria, grata pelo prémio. Nem sei o que dizer ... apenas me resta retribuir e continuar.

Saudações




iv

Agulheta said...

Maria. Vejo mais um lindo poema mesmo sendo em espera, e a pausa que seja breve.
Beijinho fica bem e bfs

Bia Maia said...

Nossa...que lindo....magnífico!

Inicialmente pela maneira como você se descreve:

"Do lado esquerdo na vida, em linha recta, na vertical. Contra a injustiça, a mentira, a hipocrisia. Solidária, inquieta, tolerante, transparente."

Gostei demais e me identifiquei...sou muito assim também!

Seu blog é lindo!

E , ao ler este seu post...também fiz uma pausa...necessária...e algumas lágrimas rolaram em meu rosto...LINDO...

Lhe desejo então um ótimo final de semana, recheado de alegrias!

E lhe convido à conhecer meu cantinho, onde escrevo minhas verdades, recheadas de amor, carinho, alegria,compaixão e o que de mais me der vontade!

Beijos brasileiros,

Bia Maia

http://olhardentrodosolhos.blogspot.com

Obs-Gostaría de seguir seu blog...como faço?

heretico said...

beijo. bom descanso...

bonito poema de amor...

mfc said...

Maria... porque escreves tão bem?!

Arabica said...

Nem sempre a espera tem fim.

Um abraço de menta, Maria.

Vanda Paz said...

Envio-te um enorme abraço

Lindo é o teu sentir. eu sei.

beijo

Mateso said...

Lindo!
Bj.

Ana Patudos said...

As tuas palavras sempre carregadas do sentimento mais belo do mundo: O Amor.
bjos
Fica bem
Ana Paula

J.S. Teixeira said...

Samuel Cruz, candidato a Presidente da Câmara Municipal do Seixal pelo PS, utiliza um pseudónimo (HSerejo) para lançar calúnias e ofensas contra o executivo CDU da Câmara Municipal do Seixal. Vejam as provas e o desenrolar do processo no blogue, O Flamingo.

Baila sem peso said...

E quem espera sempre alcança
não é o que diz o povo?
Vem um dia de vento de mudança
e por ti, o mundo fica novo :)

Sentida a tua espera...
Um beijinho e descansa

utopia das palavras said...

Sei dessa espera, todos os dias alimentada pela esperança...todos os dias renovada...todos os dias encurtando a caminhada!

Maria, pausa-te lá um bocadinho!

Beijos

maré said...

vale a pena esperar se da espera se vão urdindo sonhos

___ isso é que importa.
não deixar a alma vazia, os olhos sem qualquer horizonte.

um beijo maria

Maria P. said...

Maria, ler hoje estas palavras é...tentar sonhar de novo...

Beijinho, minha Maria*


P.S. Ando ausente, desculpa.:(

mariam said...

Maria,
lindas e tão sentidas... as tuas palavras.
um grande abraço, daqui até aí(onde quer que estejas...)
um sorriso amigo também :)
mariam

A.S. said...

Querida Maria...

Quanto mais longa for a espera, mais intenso será o momento do reencontro!!!


Abraços!

pico minha ilha said...

Beijinho Maria.Até breve

Teresa Durães said...

ah, mas as esperas longas trazem tanto desânimo!

Delfim Peixoto said...

Olá Marina... tenho andado a dançar... rsrsrsr.... mas não deixo de te visitar... a música chama...
beijos ternos

Lúcia said...

Maria - uma ausência que arrepia, nas tuas palavras! Sente-se frio!
E é tocante!

Tenho lido para 'baixo'. Já tinha saudes da tua casa:)
Beijinhos

Efigênia Coutinho said...

Coisa linda este espaço literário, meus
PARABÉNS
Efigênia Coutinho

Maria said...

Obrigada a todos que aqui passaram.

Beijos

rascunhos said...

adorei estas tuas palavras...

bj