Saturday, August 01, 2009

Neste tempo hoje


Hoje apetecia-me colocar aqui poemas de Brecht. Meia dúzia de poemas de Brecht. Porque todos eles estão mais que actuais e fazem todo o sentido. Mas prefiro dizer palavras que me estão a martelar e querem sair. Faço-lhes a vontade, o trabalho vai esperar cinco minutos (não é muito) e vou deixar as palavras sair.
Neste tempo hoje não há sábados domingos ou feriados. Há trabalho que tem de ser feito. E uma enorme alegria em fazê-lo.
Estou numa zona do país que é o meu em que o trabalho político é difícil, muito difícil. Mas é assim que eu gosto. Nunca gostei de coisas fáceis, não têm sabor. É um trabalho feito contacto a contacto, amigo a amigo, e nunca o subir e descer ruas de pedras irregulares me deu tanto gozo. Sei que há compensações.
Porque neste tempo hoje não há sábados domingos ou feriados. Há trabalho que tem de ser feito. E há uma enorme alegria em fazê-lo.
Há quatro anos, nesta mesma cidade capital de distrito, depois de todas as listas terminadas, do computador estar fechado e de todos nós nos olharmos e respirarmos com um sorriso apareceu um camarada por volta da hora do almoço - as listas seriam entregues no Tribunal às duas da tarde - com uns papéis na mão. Mais uma lista. Onde? Vamos concorrer a Sortelha. O quê? Sortelha? Sim, mas como já fechaste o computador eu faço as listas à mão. Era o que faltava.
Porque neste tempo hoje não há sábados domingos ou feriados. Há trabalho que tem de ser feito. E há uma enorme alegria em fazê-lo.
Volta a abrir o computador e toca de fazer a lista à assembleia de freguesia de Sortelha. Disse na altura que, se metessemos uma pessoa, viria aqui festejar. Não metemos uma, numa lista de sete metemos três! Cada nome para a lista trabalhado até ao fim. Convencer as pessoas, numa zona difícil como esta. Cada voto conquistado a pulso.
Porque há trabalho que tem de ser feito e uma enorme alegria em fazê-lo.
O caminho faz-se caminhando, dizia o poeta.
Venham mais ruas de pedras irregulares e desconjuntadas, para que nestas duas semanas que ainda faltam podermos encontrar e falar e convencer pessoas honestas a fazerem parte das nossas listas. Cada nome é um bem precioso porque significa que essa pessoa não tem medo, aqui. Cada voto uma conquista que sabe tão bem...
E pronto, as palavras já saíram e eu gastei mais de cinco minutos. Logo recupero. Tudo estará pronto a tempo e horas. Sem cansaço, porque não pode haver cansaço. Como tão bem disse Brecht...
Neste tempo hoje em que não há sábados domingos ou feriados. Há trabalho que tem de ser feito. E há uma enorme alegria em fazê-lo...

(depois volto. um dia, mais tarde...)

46 comments:

Maria said...

Amigos

Isto vai "apertar" a partir de segunda-feira. Não terei tempo para vos visitar - como aliás já não tinha, só mesmo de escapadela.
Verei o que sou capaz de fazer. Não prometo para não falhar. Certo, certo, só quando regressar à base...

Beijos a todos

Sérgio Ribeiro said...

Lindo!
Estimulante.
Por tantos lugares.
E a ideia que, em cada um deles, é mais difícil que nos outros... mas cumpriremos os objectivos. E assim será! Com a nossa força de hoje para que amanhã seja maior.
Hoje, as coisas correram bem por aqui. Um contacto cauteloso, "a medo"... e a disponibilidade desejada. Uma segunda quase-surpresa. Boa. E se não tivéssemos arriscado, tomado a iniciativa... nada se teria conseguido. Quem não luta perde sempre.
Obrigado, camarada. Obrigado, camaradas.
Um abraço do tamanho do que recebi ontem. Do tamanho da luta!

J.S. Teixeira said...

Bom trabalho meu caro.

Abraço

anamar said...

Força , Maria!
És forte como as pedras de Sortelha!
Tens que ser ainda mais forte que o teimoso beirão de Sortelha, de temperamento tão adverso como o clima.
Beijinhos e estamos sempre à tua espera!
:))

salvoconduto said...

Que força é essa amiga?...

Abreijos.

samuel said...

É esta força que "eles" temem. E à força de temerem, tentam esconder.
Esta Maria é o melhor exemplo de que aqui não Marias que vão com as outras...
Vão sim, mas vão juntas, vão de braço dado e vozes ao alto!

Grande abraço!

Licínia Quitério said...

Bom trabalho, Maria. Que nunca as forças te faltem. Contra o medo. Pela dignidade.

Beijo.

amigona avó e a neta princesa said...

Hoje saio daqui - vá lá saber-se porquê - com as lágrimas nos olhos! Obrigada Maria era mesmo isto que eu precisava! Porque há trabalho que tem que ser feito e há uma enorme alegria em fazê-lo!

Beijos querida...muitos e um GRANDE abraço...

maré said...

nos desafios nos superamos
crescemos
aprendemos

isso importa

depois da lavra uma semente desponta.

_______

um beijo maria

Filoxera said...

"Tudo estará pronto a tempo e horas"- é verdade, às vezes é preciso interromper para poder retomar com mais garra ainda.
Estava a ler este post e a ouvi-lo pela tua própria voz, acreditas?
Um beijo e um abração.

duarte said...

por aqui é tb tem sido difícil, mas lá estaremos pró que der e vier.
abraço do vale com toneladas de fruta a sair.

Justine said...

Texto-testemunho sentido do trabalho que é preciso fazer mas que se faz com alegria. "Cada nome significa que é mais uma pessoa que não tem medo". Muito belo!

escarlate.due said...

não admira, Brecht é fabuloso e intemporal (e olha que eu nem sou fã de poesia...)

e beijo-te Maria

Cris Caetano said...

Maria, acho isso muito bacana. Acho linda essa ideologia, essa força por se acreditar em algo e sei que tu acreditas firmemente. Li teu texto sorrindo e um pouco emocionada.
Sinto um orgulho imenso por saber que gostas de mim, e me sinto sortuda por te conhecer, gosto muito de ti, te admiro.

Beijinhos

Tite said...

Então...
Bom trabalho e que encontres muita gente boa a querer e gostar de colaborar porque, nos dias de hoje isso é uma autêntica lança em África.

Ânimo, força e sucesso

Joao P. said...

Maria:

Votos sinceros de muito boa sorte e que tenhas muito trabalho. Será bom sinal

Obrigado sincero pelos 5 minutos do teu post.

Espero não ter notícias tuas devido a esses compromissos

Beijo

João

A.S. said...

Querida Maria...

Deixas-nos com B.Brecht... nada melhor para meditarmos nas suas palavras cada vez mais actuais...

Meus beijos... volta depressa!

carmen said...

Maria querida,
Parabéns pela tua força e coragem, tenho muitas vezes inspirado-me nela, mesmo que não saibas.
Sabe bem ler o que escreves sempre.
Sucesso!
Ousei por teu blog na minha lista de favoritos, e nem te consultei.
quando estiver mais forte falo contigo novamente.
Beijos baianos
Carmen
www.desejoselugares.blogspot.com

pico minha ilha said...

Continua Maria.Força para vencer mais um pouco desta.Beijo

bettips said...

Trabalhas por nós e connosco. Nada nos poderá dar mais alegria do que esse trabalho a fazê-lo. Sorrimos, um a um pelas conquistas a pulso.
Um beijo enorme, Maria.

Akhen said...

Maria

Já há muito não vinha aqui ao blogue. Ainda bem que vim hoje.
Parece que a política não tem que ver com o futebol. Mas tem.
Há relativamente pouco tempo, a SIC estava fazendo a cobertura de um jogo de Futsal do Benfica (como se não existissem mais clubes em Portugal), com o meu clube.
Como na política, tremendamente parciais.
Cheguei junto de um dos redactores e disse-lhe "Olhe, neste país, é tão dificil ser do (meu clube) como é dificil ser comunista. Mas eu sou dos dois e não mudo".
Sabes Maria; eu sei quanto é dificil o trabalho que andas a fazer. Como te disse, há tempos, admiro-te.

Fernando Samuel said...

Que belas palavras!
E que alegria é, lê-las!

Um beijo grande.

Pitanga Doce said...

Maria, por onde andaste é um prazer trabalhar. Nem há sábados nem domingos "épardiante"!

as velas ardem ate ao fim said...

Um bjo grande.

lua prateada said...

Uauhhhh sim senhor é isso mesmo !...
Não á mesmo sábados nem domigos trabalha-se todos os dias e, apesar de não ser na mesma coisa também trabahlo sábados e domingos.
Beijinho prateado

SOL

Apenas eu said...

Olá Maria, atarefada! Mas por uma boa causa!
Cá te espero até regressares á base.

um grande beijinho com um abraço agarrado.

utopia das palavras said...

É essa a grande diferença, não há sabados, domingos nem feriados, mas há muita força, alegria e vontade...sempre acreditando!

Vamos lá Maria...!!!!

Beijinho

Teresa Durães said...

não gosto de me envolver em política. perdi toda a confiança

Lúcia said...

Acreditar com convicção e coração, é meio caminho andado para não haver cansaço!
Lindíssimo, Maria.
Beijitos.

mfc said...

Bom trabalho aí pela Covilhã!
Todos os anos vou a Sortelha... aquilo é lindo.

Nilson Barcelli said...

Quando há alegria, o trabalho custa muito menos.
Admiro a tua militância.
Nunca o fui na política, mas já fiz um trabalho idêntico a Sortelha há uns anos. Porta a porta do nada e 3/7 no final... igualzinho, perdemos por um... a lista era independente, mas apoiada pela CDU... belos tempos...
Depois disso, tive militância social por duas épocas.
Querida amiga, boa sorte para o vosso trabalho.
Beijo.

J.S. Teixeira said...

Isaltino Morais: 7 anos de prisão. Finalmente fez-se justiça! Vejam algumas comparações no blogue O Flamingo.

FERNANDA & POEMAS said...

QUERIDA MARIA, FAÇO VOTOS PARA QUE O TEU ESFORÇO E O DE OUTROS CAMARADAS VALHA A PENA... VALE SEMPRE A PENA, QUANDO A ALMA NÃO É PEQUENA E A TUA É ENORME... ABRAÇOS DE FELICIDADE,
FERNANDINHA

Filoxera said...

Força, amiga!
Beijos.

Clotilde S. said...

Vim saber de ti, Maria, e deixar-te um beijinho.

Clo

Rui Caetano said...

Muito bonito.
http://www.cidade-com-futuro.com/

amigona avó e a neta princesa said...

Hoje venho deixar mais um abraço...espero o meu...quando regressares...beijos ...

Rosa dos Ventos said...

Continuação de bom trabalho e que haja muitos eleitos!

Abraço

isabel mendes ferreira said...

bom trabalho Maria.


sempre.


beijo.te.

margusta said...

Olá Querida Maria,

...quando se luta por aquilo em que se acredita, dá-se tudo, e não existe tempo para cansaços como dizes.

Força amiga!


Devolvo-te um abraço carregado de beijinhos....OBRIGADA POR TUDO MARIA!!!!


Ah...cheguei agora do mar....confidenciou-me baixinho que já tem saudades do teu olhar :)

elvira carvalho said...

Bom vamos a ver se é desta. É que depois do pc vir da oficina, só por aqui andei umas horitas e foi-se a internet. Ou seja, primeiro tinha internet não tinha pc, e depois vice-versa. Como isto é um casal muito unido um não faz nada sem o outro e daí que eu tenha desaparecido de novo.
Muita sorte, porque capacidade e gosto pelo trabalho você já tem.
Um abraço

heretico said...

sei do que falas, Maria.

existem ainda no País muitas Sortelhas (alías belíssimo local). fazem falta muitas Marias como tu... e "Manéis"!

muito bem. força!

beijos

Ana Camarra said...

Sortelha é lindo!

Esse trabalho é fundamental, estamos todos juntos Maria, mais uma batalha!

Beijo grande, abraço enorme

joão marinheiro said...

Abraço com a força do mar que nos corre no sangue...

Maria da Lua said...

A fé num amanhã melhor, o sentido de Estado e a força deveriam ser as condicionantes da vontade de alguém que vive a política. Não o são na maior parte das vezes. No entanto, é maravilhoso ver que ainda há pessoas como tu.

Mar Arável said...

Rosas?


Até já ando a desconfiar

das do meu quintal