Thursday, April 08, 2010

O teu olhar

O teu olhar. Dá-me o teu olhar. Encosta-te ao meu peito e deixa-me abraçar-te. E ao teu olhar. Não precisas de falar, olha só para mim. Que eu adivinho as palavras que não te saem. E as que te escorrem como lágrimas de sangue. Dá-me o teu olhar. Recolho-te no regaço feito leito de ternura. De tanto te beber fiz-me rio. Do teu olhar. Enrosco-te a mim e sou colo, outra vez. Serei sempre o teu colo. Devolvo-te em concha ao mar, mas comigo ficará sempre o teu olhar.

26 comments:

Memória de Elefante said...

Maria!


Este olhar que te habita, te transforma no ritmo das águas deste rio que chama na fonte, na vida o teu nome...

Lindo e emocionante este teu poema!

Um beijo

Baila sem peso said...

Pois não existem coincidências...
mas que as há, há :))))
"o teu olhar" está uma ternurinha
deixo um sorriso de amizade minha

Beijo

Cris Caetano said...

Acho que na maioria das vezes as palavras são desnecessárias, o olhar diz tudo.

Beijinhos, Maria.

salvoconduto said...

Vesgo! Ceguinho de raiva! É assim que eu fico de tanto olhar a minha volta.

Abreijos.

Aníbal Pires said...

As tuas palavras são como um terno olhar que abraça quem te visita.
Que bom é passar por aqui.

Bjs

GR said...

Muito lindo.
Tanta ternura.

Bjs,

GR

Pitanga Doce said...

Ai Maria! Ultimamente tens usados "palavras minhas" que são palavras nossas. Ó céus!

Pois não. Não precisa falar...só o olhar já entrega.

zmsantos said...

Já perdi o meu, quando encontrei o teu.

Beijos.

Fernando Samuel said...

Há olhares que nunca saem de nós...

Um beijo grande.

Manuela Freitas said...

Olá ardente Maria,
Num olhar está realmente tudo...e ter um colo é das melhores coisas da vida!...
Beijinhos,
Manuela

Agulheta said...

Maria.
Nada como um olhar,para derramar em nós a magia do momento que ficara eternamente,gostei muito.
Beijinho e bfs Lisa

Apenas eu said...

estas palavras tuas rebentam aqui com o pessoal!

escreves tão bem Maria! as palavras ficam-te bem.

isso é um dom.

Um grande beijinho

marias said...

Os olhares que nos marcaram permanecem sempre guardados em nós!...

Bj

samuel said...

Quantas vezes é o bastante... um olhar.

Abreijo.

Justine said...

Um olhar transformado em abismo ou em eternidade...
Muito belo, Maria!
Abracinho

mariam said...

Maria,

as tuas palavras, são abraço e colo !

acredita que tens sempre em ti um olhar amigo :)

um abraço e o meu sorriso :)
mariam

A.S. said...

Querida Maria,

Há no teu olhar
a força das marés,
a sensualidade das ondas,
o desfazer suave da espuma,
o voo gracioso das gaivotas.
O teu olhar...
é um pensamento que se faz ao mar!

BeijOOO
AL

Sunshine said...

Fiquei aqui a ler e reler as tuas palavras...conheço este olhar.
beijinhos com raios de sol

Alien8 said...

"Beauty is in the eye of the beholder", dizem, e bem. Mas também pode estar nas palavras que invocam e evocam o olhar, como aqui provaste.

Lá mais abaixo, a Cidinha não vai ter grande futuro, quer-me parecer... ou então temos milagre!

Bom fim de semana!

margusta said...

Querida Maria,

...O olhar, deixa adivinhar as palavras que não saem. Sempre, ou quase sempre!
E, quantas vezes desejamos tanto Abraçar um olhar...aperta-lo no peito, e ser colo...

Lindo Querida Maria!

Para ti o meu beijinho com carinho, lá no Bugio ...agora em águas mais serenas..e azuis Maria...bem azuis. Já estava cansada de tanto cinza!

Margusta

Filoxera said...

O olhar e a ternura, o eterno fluir das emoções...
Que bom!

paula barros said...

O carinho e a ternura com que você fala, sempre aconchegando o outro, sempre querendo por perto, é um amor tão bonito.

abraço

Maria said...

Muito obrigada por terem passado aqui

Beijos a todos.
(inesperadamente uma saída...)

G... said...
This comment has been removed by the author.
Maria said...

G...

O teu blog tem uma caixa de comentários que não me permite comentar. Tenho seguido o que escreves, mas não me é possível deixar nada escrito naquela 'caixa abaixo do post'. Apenas nas folhas inteiras ou nas 'pop-up windows', como esta...

Obrigada.

:)

G... said...

Obrigada... eu!
Vou tentar alterar.
ATé porque pode nºao ser caso único.
:-)