Tuesday, February 27, 2007

Sem pressa


A lua espreita
e entra indiscreta
pela janela da sala
nem percebe
que não nos importamos
que nos veja
porque
o amor é muito forte
e o beijo que damos
e a raiva do abraço
e o desespero da ternura
são apenas
o princípio do amor
É tarde
e não temos pressa
e ali
no canto do quarto
onde tu me amaste
já nada importa
porque as estrelas vieram
do céu
para nos cobrir...

34 comments:

chuvamiuda said...

....................

e pressa para quê?

...................

Noite serena

A COR DO MAR said...

Bençao do ceu ... com estrelas - Bonito o poema :)
Beijoca*

Pedro Branco said...

Perdi o abraço na raiva de não te encontrar. Por isso chorei as estrelas...

luis galego said...

É tarde
e não temos pressa

que bom ler este poema logo de manhã...tranquiliza...

Luis Eme said...

Não há poema teu em que não conjugues o verbo "Amar", a vários tempos e de várias formas.

Maria, mereces, mais do que ninguém, o epiteto de "Poetisa do Amor".

Sininho said...

Mesmo cobertos com a poeira das estrelas, a Lua lá estava a ver, discreta, disfarçada, mas atenta...

Beijinho

poetaeusou said...

o amor é muito forte !!!
e é muito dificil mante-lo,

inté

João JR said...

O amor...o melhor sentimento do mundo! Como é bonito ler esta calma que aconchega a alma:)
Um beijinho grande para ti Maria

Maria said...

chuvamiuda

Sem pressa nenhuma...

Maria said...

a cor do mar

com estrelas e com tudo o mais que quisermos...

Beijoca

Maria said...

pedro branco

Encalhei. Aqui. Nas tuas estrelas.

Maria said...

luis galego

logo de manhã... e sem pressa...

Maria said...

luis eme

São palavras que eu não mereço... mas que gostei de ler, vindas de ti.

Maria said...

sininho

A lua é nossa companheira de noite, zela por nós...

Beijoca

Maria said...

poetaeusou

Não tem dificuldade nenhuma.
Basta sermos NÓS, e nós sermos verdadeiros!

Inté

Maria said...

joão jr

O melhor sentimento, juntamente com a mizade, sim.

Um beijo

Ana Patudos said...

Tu, o amor e o mar, sempre em sintonia perfeita...
jitos
Ana Paula

Leticia Gabian said...

Maria,
Quando é a lua que já não pode nos espreitar, o sol, por procuração assinada, vem ocupar o seu lugar.

Beijo grande

Luna said...

Que pode ser mais bonito do que um lençol de estrelas a adornar dois corações que batem ao mesmo compasso
beijokas

Pepe Luigi said...

Muito interessante esta poesia.
Gostei imenso.

Um beijinho
do Pepe.

Nani said...

Maria...

Gostei muito.

Beijinho grande para ti.

Nani

caminante said...

Amiga mía, el amor de verdad se viste de pudor. Y, como tú dices, las estrellas cubren su desnudez.
Expléndido.
Un fortísimo abrazo.

=^.^= Tarina =^.^= said...

São tantas as palvras de que gosto nem texto... nem as consigo contar lolol

1 beijo =^.^= tarina

Lindo Poema!

al cardoso said...

QUE AS ESTRELAS VOS CUBRAM POR MUITO TEMPO!

Um abraco de ......d'Algodres

Claudia said...

Começa a ser difícil não ter pressa...
Fico à espera que as estrelas me guiem também!

Beijo forte

Maria said...

ana patudos

Não tenho como mudar...
Um beijo

Maria said...

letícia

Mas nós podemos sempre esconder-nos do sol, não é? E da lua...
Não, deixa a Natureza com todos os seus elementos partilhar este Amor Grande que vivemos, tu aí... eu aqui...

Beijo grande, Amiga

Maria said...

querida luna

Mais nada, pois essa será a beleza superior do momento...

Beijo grande

Maria said...

pepe luigi

Obrigada, beijo pra ti

Maria said...

Querida nani

Vou dizer-te aqui outra vez: gosto tanto, mas tanto, daquele teu abraço...

Beijo grande

Maria said...

caminante

Eso és.

Un abrazo

Maria said...

tarina

.... pois não as contes.... (LOL)

Lê, só.

Um beijo grande

Maria said...

al cardoso

MUITO OBRIGADA, AMIGO!

Um abraço

Maria said...

claudia

... podes acelerar...

Deixo-te as estrelas, num beijo