Saturday, September 25, 2010

Música para o fim-de-semana


Tem dias que a gente se sente
Como quem partiu ou morreu
A gente estancou de repente
Ou foi o mundo então que cresceu...

A gente quer ter voz ativa
No nosso destino mandar
Mas eis que chega a roda viva
E carrega o destino prá lá ...

Roda mundo, roda gigante
Roda moinho, roda pião
O tempo rodou num instante
Nas voltas do meu coração...

A gente vai contra a corrente
Até não poder resistir
Na volta do barco é que sente
O quanto deixou de cumprir
Faz tempo que a gente cultiva
A mais linda roseira que há
Mas eis que chega a roda viva
E carrega a roseira prá lá...

Roda mundo, roda gigante
Roda moinho, roda pião
O tempo rodou num instante
Nas voltas do meu coração...

A roda da saia mulata
Não quer mais rodar não senhor
Não posso fazer serenata
A roda de samba acabou...

A gente toma a iniciativa
Viola na rua a cantar
Mas eis que chega a roda viva
E carrega a viola prá lá...

Roda mundo, roda gigante
Roda moinho, roda pião
O tempo rodou num instante
Nas voltas do meu coração...

O samba, a viola, a roseira
Que um dia a fogueira queimou
Foi tudo ilusão passageira
Que a brisa primeira levou...

No peito a saudade cativa
Faz força pro tempo parar
Mas eis que chega a roda viva
E carrega a saudade prá lá ...

Roda mundo, roda gigante
Roda moinho, roda pião
O tempo rodou num instante
Nas voltas do meu coração...

(pedindo desculpa pela qualidade do video...)

20 comments:

João P. said...

Maria:

Por vezes é bem verdade sim.

(O vídeo é fabuloso)

Beijo

João

rui said...

Olá Maria,

Estive muito tempo afastado porque sofri um acidente muito grave.
A recuperação foi longa, mas agora estou muito melhor.
Fui a Fátima cumprir uma promessa e de caminho visitei alguns amigos que aí vivem um pouco por todo o lado.
Verifiquei que vinhas sempre deixar a marca da tua presença aqui. Obrigado.

Beijinho...Grande abraço!

Fernando Samuel said...

Grande Chico! - que, para além de fazer estas coisas bonitas, faz outras coisas bonitas, como exigir a libertação dos CINCO...

Um beijo grande.

tulipa said...

OLÁ Maria

Profundo sentir...o seu, Maria.
O vídeo é fabuloso.

Sigamos a caminhada com fé e esperança que um dia as coisas mudem.

Convido-a a ver o post que fiz sobre a minha participação no "5º Raid Fotográfico da Moita" no blog "Deabrilemdiante".

Abraços outonais.
Bom fim de semana.

José Lopes said...

Há muito que não ouvia esta. Obrigado.
Cumps

Anonymous said...

Maria:
Esta letra sempre nos destina...

" gente quer ter voz ativa
No nosso destino mandar
Mas eis que chega a roda viva
E carrega o destino prá lá" ...

Um beijo!

Joaquim do Carmo said...

É uma óptima "companhia" para o fim-de-semana, o poema, a música, o vídeo.
beijinho

Carmo said...

Olá Maria, Óptima escolha.
Sou fã de Chico Buarque.

Beijinhos e boa semana

Duarte said...

A isto é ao que se deve chamar fazer historia.
Foi bom recordar.

Estas canções tinham letra, autênticos poemas.
Quão longe distam das de hoje.

Um grande abraço e bom fim de semana

samuel said...

Não peças desculpa... tomariam muitos vídeos ter esta "qualidade"! :-)))

Abreijo.

Cris Caetano said...

Chico faz parte da minha vida desde que me conheço por gente.

"No peito a saudade cativa
Faz força pro tempo parar
Mas eis que chega a roda viva
E carrega a saudade prá lá ..."

Beijinhos, Maria. Bom domingo.

BF said...

Obrigada Maria pelas tuas palavras. Foi um ano muito difícil a todos os níveis. Precisei fugir de todos os lugares onde seria fácil me encontrar e sofrer um pouco mais. Acho que estou muito mais calma e aos pouco vou voltar a todas as coisas de que gosto e me fazem bem. Bom Fim de semana e um grande Beijo
BF

Justine said...

Ai, ai, que andas a pôr muitas vezes o meu Chico! Começo a ficar com ciumes...:))))

Sérgio Ribeiro said...

Mas que é isto?...

Bem... estás desculpada... mas só pela qualidade do video.

Quando ao resto, obrigado

e um beijo

Arábica said...

Roda viva, Maria!

É a única que ainda faz andar para a frente!

Um abraço e vamos lá para a roda viva!

Braulio Pereira said...

algum dia
dou-te letras
com a minha mâo vazia
a ti eu canto poeta
e tu nem sabias
cheiro de rosas ao vento

sou nada!!

Pitanga Doce said...

Ah, Chico ainda menino! Tão lindo!

Clube Europeu ESJAL said...

É uma das rubricas que aprecio no Cheiro da Ilha - Música para o fim de semana.
E depois, há as palavras que me deixam presa a esses textos...

Rini Luyks said...

Chico tão novinho, este vídeo vou levar emprestado.
Obrigado!

Maria said...

Muito obrigada por terem passado por aqui.
Boa semana a todos.
Beijos.