Saturday, August 16, 2008

No Pelourinho II

Fundação Casa de Jorge Amado.
No painel ao lado da porta pode ler-se:
"NESTE LARGO DO PELOURINHO CORAÇÃO DA BAHIA E DO BRASIL E DE SUA OBRA FIEL A NOSSA GENTE E AO AMOR A LIBERDADE TENDA DOS MILAGRES PARA O ZELO DA CRIAÇÃO LITERARIA E O ESTUDO DA FICÇÃO BAIANA E BRASILEIRA. SEJA BEM VINDO SE FOR DE PAZ.
PODE ENTRAR"

Aspecto interior da Fundação Casa de Jorge Amado

O nº 68 da Ladeira do Pelourinho...
No painel de azulejo pode ler-se "onde viveram os personagens de Suor"

Algumas janelas a que não resisti...

Uma soneca, merecida...

Praça Tomé de Souza e entrada do Elevador Lacerda

Largo da Cruz caída.
Ao fundo, a Bahia de Todos-os-Santos...

Toda esta zona do Pelourinho cheira a Jorge Amado.
Passearmos pelo Largo Tereza Batista, pelo Terreiro de Jesus ou pelo Largo Quincas Berro d'Água é... reler Jorge Amado.
Não deixei o Pelourinho sem antes comer um gelado na famosa Sorveteria A Cubana, e sem beber um "cravinho"...

48 comments:

samuel said...

Vais acabar por ser responsável por uma debandada...:)))
Como as coisas estão, muitos poderão não voltar. Eu não voltaria, se pudesse...

Abreijos

salvoconduto said...

Pelo que vejo das tuas imágens desapareceu o "pelourinho", não sei se bem se mal, testemunho de tropelias que por aí fizemos...

Cris Caetano said...

Não é gelado, Maria, é sorvete!!! hehe.

Salvador é uma cidade linda mesmo!

Beijinhos

pin gente said...

e como resistir ao irresistível?!

gostei do comentário do samuel... vais, vais!

estás a ser uma óptima cicerone, maria.
diz-me o que é um "cravinho"... ou matéria para pelourinhos III

beijinhos
luísa

ps - não acredito que a minha noitada tenha sido maior que a tua... eheheh

Leticia Gabian said...

E por falar em Jorge Amado, na próxima sexta já canto "Tema de amor para Gabriela", parte integrante da trilha sonora do Filme Gabriela (que contou com a atuação brilhante do meu querido e saudoso Mastroianni). É uma canção belíssima, Maroca! Tenta encontrar....Tem um Cd de Gal Costa (Gal canta Jobim)que tem a música de que falo.
Ouve e me diz.

Beijo grande, amiga-irmã

Fernando Samuel said...

... jubiabá, e os capitães da areia...
Tantas recordações. E tão boas - obrigado por elas.

Um beijo grande.

em azul said...

Estou quase quase a marcar uma viagem para Salvador... mas contigo acredito que seria uma viagem de sonho!

Um beijinho meu, Maria da ilha
em azul

Oris said...

Foi muito agradável ter "viajado" através das tuas imagens...
:))

Beijitos, Maria

Menina do Rio said...

Belissimas fotos! Bahia de todos os deuses! De São Salvador!

Um beijinho pra ti, Maria

Agulheta said...

Maria. Cada dia nos delicias com lindas fotos,a Baía deve ser um sonho realmente,gostei de ver a Fundação de Jorge Amado,do qual gosto como escritor,tenho amigos em comum que partilharam muitas coisas com ele,e falo muitas vezes acerca disto.
Beijinho bfs da amiga Lisa

BlueVelvet said...

Então não é que de todas estas imagens que me são tão familiares, não sei o que é o "cravinho"??
Dá para esclhalhecer?
Beijinhos e bom domingo

Ludo Rex said...

Um dia destes tenho que ir ao Brasil... Kiss

Maria said...

samuel

Debandada não direi, mas umas feriazinhas..... até era giro...
Um dia eu fujo para a Bahia...

Abreijos

Maria said...

salvoconduto

Vê aqui:
http://ocheirodailha.blogspot.com/2007/08/no-pelourinho.html
verás o pelourinho, ele próprio.
Só não quis repetir fotografias do ano passado....

Abreijos

Maria said...

cris caetano

Aqui ainda é gelado, aí peço sorvete, hehehehehe
Salvador é Linda!

Beijinhos

Maria said...

pin gente

Vamos? De férias?
Haverá mais Salvador, mas o Pelourinho acaba aqui.
Cravinho é uma bebida feita com... cravinho da índia... e é típica de lá...

Beijos, Luísa

p.s. não, a tua noitada superou a minha...

Maria said...

letícia gabian

Tenho esse CD, Amiga. É linda. Ainda vou aí só para te ouvir...
☺)))

Beijão, amiga-irmã

Maria said...

fernando samuel

... mar morto, e os outros...
Se, e quando puderes, vai lá...

Um beijo grande

Maria said...

em azul

Podemos pensar nisso, em azul...
Encontramo-nos no aeroporto e tu vestes de azul para eu te conhecer...

Beijinho ☺

Maria said...

oris

Obrigada, Ana.

Beijinhos

Maria said...

menina do rio

É mesmo, Bahía de todos os deuses...

Um beijinho, Verónica

Maria said...

agulheta

Foi com certeza um privilégio para os teus amigos terem partilhado coisas com o Jorge Amado...
A Bahia é linda...

Beijinhos, Lisa

Maria said...

bluevelvet

Cravinho é uma bebida feita com cravinho da índia, BV!
Bom domingo pra ti...

Beijos azuis

Maria said...

ludo rex

Ao Brasil não, à Bahía...

Beijo

Olhos de mel said...

Oie linda! Realmente, são lugares maravilhosos! Só senti a falta do sol.
Bom domingo! Beijos

FERNANDA & POEMAS said...

Olá querida Maria, belas imagens e palavras que nos dás, adorável Amiga!
Beijinhos de carinho,
Fernandinha

poesianopopular said...

Maria
Fico contente por ti, pois deves ter passado uns dias maravilhosos, é evidente pela aneira como descreves esta viagem!
Bjo amiga

Maria said...

olhos de mel

Eu não senti falta de sol enquanto lá estive, aliás, só choveu bem um dia...

Beijos

Maria said...

fernanda & poemas

é para te incentivar a ir até lá....

Beijinhos, amiga

Maria said...

poesianopopular

Podes crer que foram dias que não esquecerei...

Beijos

do zambujal said...

Excelenete reportagem. A fazerem mordiscar tantas recordações e saudades. De leituras e de uma viagem inesquecível, de há década e meia...
Obrigado pelo "delicioso pungir de acerbo espinho" que se aplica a muitas situações...
Abreijos

Mié said...

Rolei por aqui abaixo

que saudades me fizeste!!!


...fizeste-me acordar e lembrar-me que tenho de pegar na minha vida....urgentemente!!!!


...senão, dou em doida.



um beijo

grande

enorme

Justine said...

Saudades, saudades, e mais saudades...

Eduardo Aleixo said...

Jorge Amado, autor de " Os subterrâneos da Liberdade ", livro proibido pela PIDE, antes de o 25 de Abril.
Obrigado pelas imagens.E palavras.
Beijo, Maria.
Eduardo

SILÊNCIO CULPADO said...

Maria
Li e comprei quase todos os livros do Jorge Amado. O que era uma temeridade "no tempo da outra senhora".

Beijos

Filoxera said...

Que bom, poder ver aqui estes retratos da obra de Jorge Amado. Obrigada por partilhares estas reportagens.
Beijinhos.

Maria said...

do zambujal

Será altura de lá voltares... quinze anos é muito tempol...

Abreijos

Maria said...

mié

Então, ainda bem que te “acordei”...
... e tudo por causa do ténis...

Estou aqui, sempre...

Um beijo

Maria said...

justine

também já tenho...

Maria said...

eduardo aleixo

E já agora, do “Cavaleiro da Esperança”...

Um beijo

Maria said...

silêncio culpado

Os meus estão velhinhos, velhinhos, mas estão ali, religiosamente guardados...

Beijos

Maria said...

filoxera

E como é bom passearmos pelo Pelourinho e "cheirarmos" Jorge Amado...

Beijinhos

bettips said...

De Dorival se cantavam as músicas
Do Brasil vinham os panos coloridos (todos tinham alguém "embarcado")
De Amado se liam os livros, passados de mão em mão, faziam parte da nossa cultura há 50 anos!
...da Bahia, saudades que não conhecer mas aqui "a viver" contigo. Um dos filmes - poucos - que fui ver pequenita era precisamente sobre a Baía e as baianas, lembro um nome que vou escrever "os quindins de YaYa"??? completamente à sorte, com a recordação pela mão... Lembro-me ainda do meu pai dizer, nesse tempo, que o Nordeste brasileiro era pobre e a média de vida 24 anos. Do Brasil amigo-irmão e não precisamos de acordos nem medalha, sobra-nos a memória.
E agora a tua emocionante viagem descritiva, das gentes, sabores e ambientes... maravilha!
'bigado, nina!
Bjinho

O Sibarita said...

Dona moça oi onde tem a Cruz é o largo da Cruz caída viu fia? kkk um lugar bonito com viclumbrante visão para a cidade baixa!

Dona Maria senhora é retada mesma! Venha morar aqui fia!

bjs
O Sibarita

elvira carvalho said...

Lindas as fotos. Dá vontade de viajar também
Um abraço

Maria said...

elvira carvalho

Basta pensar na viagem, programar e, se possível, ir...
Vale a pena.

Um abraço

Maria said...

bettips

Escapaste-me não sei porquê...
O Nordeste já não será assim, embora haja zonas muito pobres. Mas Salvador foi a primeira capital do país, e mantém-se capital da Bahía e a vida lá é diferente, o povo é diferente.
Se um dia puderes não deixes de lá ir...

Bjinho, Bettips

Maria said...

o sibarita

Obrigada pela informação, Siba.
Um dia, quem sabe, eu vou mesmo...

Beijos