Friday, August 22, 2008

Para acabar - Samba da Bênção



Cantado

É melhor ser alegre que ser triste
Alegria é a melhor coisa que existe
É assim como a luz no coração

Mas pra fazer um samba com beleza
É preciso um bocado de tristeza
Preciso um bocado de tristeza
Senão, não se faz um samba não

Falado

Senão é como amar uma mulher só linda
E daí? Uma mulher tem que ter
Qualquer coisa além de beleza
Qualquer coisa de triste
Qualquer coisa que chora
Qualquer coisa que sente saudade
Um molejo de amor machucado
Uma beleza que vem da tristeza
De se saber mulher
Feita apenas para amar
Para sofrer pelo seu amor
E pra ser só perdão

Cantado

Fazer samba não é contar piada
Quem faz samba assim não é de nada
O bom samba é uma forma de oração

Porque o samba é a tristeza que balança
E a tristeza tem sempre uma esperança
A tristeza tem sempre uma esperança
De um dia não ser mais triste não

Falado

Feito essa gente que anda por aí
Brincando com a vida
Cuidado, companheiro!
A vida é pra valer
E não se engane não, tem uma só
Duas mesmo que é bom
Ninguém vai me dizer que tem
Sem provar muito bem provado
Com certidão passada em cartório do céu
E assinado embaixo: Deus
E com firma reconhecida!
A vida não é de brincadeira, amigo
A vida é arte do encontro
Embora haja tanto desencontro pela vida
Há sempre uma mulher à sua espera
Com os olhos cheios de carinho
E as mãos cheias de perdão
Ponha um pouco de amor na sua vida
Como no seu samba

Cantado

Ponha um pouco de amor numa cadência
E vai ver que ninguém no mundo vence
A beleza que tem um samba, não

Porque o samba nasceu lá na Bahia
E se hoje ele é branco na poesia
Se hoje ele é branco na poesia
Ele é negro demais no coração

Falado

Eu, por exemplo, o capitão do mato
Vinicius de Moraes
Poeta e diplomata
O branco mais preto do Brasil
Na linha direta de Xangô, saravá!
A bênção, Senhora
A maior ialorixá da Bahia
Terra de Caymmi e João Gilberto
A bênção, Pixinguinha
Tu que choraste na flauta
Todas as minhas mágoas de amor
A bênção, Sinhô, a benção, Cartola
A bênção, Ismael Silva
Sua bênção, Heitor dos Prazeres
A bênção, Nelson Cavaquinho
A bênção, Geraldo Pereira
A bênção, meu bom Cyro Monteiro
Você, sobrinho de Nonô
A bênção, Noel, sua bênção, Ary
A bênção, todos os grandes
Sambistas do meu Brasil
Branco, preto, mulato
Lindo como a pele macia de Oxum
A bênção, maestro Antonio Carlos Jobim
Parceiro e amigo querido
Que já viajaste tantas canções comigo
E ainda há tantas a viajar
A bênção, Carlinhos Lyra
Parceiro cem por cento
Você que une a ação ao sentimento
E ao pensamento
A bênção, a bênção, Baden Powell
Amigo novo, parceiro novo
Que fizeste este samba comigo
A bênção, amigo
A bênção, maestro Moacir Santos
Que não és um só, és tantos tantos como
O meu Brasil de todos os santos
Inclusive meu São Sebastião
Saravá! A bênção, que eu vou partir
Eu vou ter que dizer adeus

Cantado

Ponha um pouco de amor numa cadência
E vai ver que ninguém no mundo vence
A beleza que tem um samba, não

Porque o samba nasceu lá na Bahia
E se hoje ele é branco na poesia
Se hoje ele é branco na poesia
Ele é negro demais no coração


Vinicius de Moraes/Baden Powell

30 comments:

Maria said...

Depois do ouro do Nelson Évora, este é o ouro para fechar a foto-reportagem de Salvador da Bahia.

Beijos a todos

salvoconduto said...

É sem dúvida a melhor forma de acabares a descrição da tua viagem.


Abreijo

Ana said...

A dupla Vinicius - Baden Powell, a cadência das palavras e do samba, a magia da poesia.
Um beijo, Maria.

salvocondutp said...

Por tua causa ainda aqui estou com o Vinicius.

Deus te abençoe Maria.

Eduardo Aleixo said...

Que lindpo samba.
Bj, Maria.
EA

andorinha said...

Pôr um pouco de amor numa cadência... isso é o samba. Branco na poesia, negro no coração.
Um beijo, Maria.

Cris Caetano said...

Acho que Vinícius entendia bem o que era a vida, as mulheres e o amor. Eu adoraria ter a sorte de ter tido dois dedinhos de conversa com ele. Era um homem inteligente e por isso mesmo interessantíssimo, um diplomata que foi muito feliz sendo cantor, poeta e compositor.

Gosto desse sambinha! :) Grand Finale!!!

Beijinhos

Olhos de Mel said...

Oie linda! Valeu a escolha, viu? É realmente uma bela composição...
Bom fim de semana!
Beijos

BlueVelvet said...

A benção Maria!
Saravá amiga!
Beijinhos

Leticia Gabian said...

Até hoje me arrepio ao escutar o Samba da Bênção...Tem aquele nãoseiquê que só mesmo estes dois o sabiam.

Fechou mesmo com chave de ouro a tua partilha. Obrigada, amiga-irmã!
Adorei.

Beijo enorme

em azul said...

É bem melhor ser alegre, sim!

Já vim, já fui... voltei sem muitas palavras.
Um beijo, Maria

Fernando Samuel said...

Por que é que eu imaginei que ias «fechar» com este samba da bênção?...
É o que se chama terminar com medalha de ouro...

Obrigado.

Um beijo grande.

brisa de palavras said...

Obrigada Maria
A Estreia do Rebento nos relvados pelos menos como profissional ainda vai demorar muito tempo...rss o rebento ainda tem que muito jogar rss
Um abraço adorei o teu comentário e este poema.
um abraço
brisa de palavras

Maria P. said...

É mesmo fechar com chave d'ouro!:)

Beijinho, Maria.

FERNANDA & POEMAS said...

Querida Maria, belíssima postagem Amiga!
Contigo vou voar e ver o mar!
Beijinhos de enorme amizade,
Fernandinha

Pedro Branco said...

Saravá para ti, Maria!

Filoxera said...

Lindo!
Obrigada pelo comentário deixado ontem no Escrito a Quente. Também os amigos da blogosfera estiveram no meu pensamento.
Muitos beijos.

São (2) said...

Que maravilha: agradeço!
Bom fim de semana.

Ludo Rex said...

Bela escolha. Bom Fim de Semana. Kiss

Marta said...

Uma escolha a condizer com o blogue: interessante :)

samuel said...

Tremendo clássico!

Alexandre said...

Adoro Vinicius de Moraes como compositor e como cantor.

Um beijinho grande!

poesianopopular said...

Maria
Vou ouvir outra vez mas, vou buscar o meu uísquinho Ok!
Já tinha saudades de ouvir Vinícios de Morais, o branco mais preto do Brasil!
Obrigado amiga, encerras-te com chve de ouro esta narração da tua viagem.
Bjos

Maria said...

Muito obrigada a todos que passaram por aqui.
É bom saber que gostaram...


fernando samuel

Será porque me conheces... e não esperarias outra coisa...


Beijos a todos

O Sibarita said...

Pois é Maria! Você agora foi no fundo do bau buscar uma poesia/poema ouro puro!

Obrigado por isso minha nega! Você é 1000000000000000000....

bjs
O Sibarita

Maria said...

o sibarita

Obrigada, meu nego! kkkkk

Beijos

Lúcia said...

Então, quer-se dizer que me acabas com as férias, é? Ó que gaita, Maria!:))
Beijinhos

Maria said...

lúcia

Talvez um dia destes eu comece com outras fotos de outros sítios...
:))))

Beijinhos

Anonymous said...

um samba...
como eu gosto...
a letra é fantástica...
alguém que fala do que sabe...
alguém que conhece a Mulher e a Vida.
só tu para me deixares aqui a balançar :)
brincar com a vida... a vida é pr'a valer...

beijos meus

Manuela

Maria said...

Manuela!!!!

Um samba como nós gostamos....

Beijos, e mais beijos