Tuesday, April 17, 2007

Saudade...


Tenho saudade do teu corpo
do teu cheiro das tuas mãos
que ainda sinto a acariciar
o meu corpo de mulher
inteira, terra firme que
espera a semente do amor
Tenho saudade do teu braço
do teu beijo da tua voz
sussurrando-me ao ouvido
palavras trinta vezes repetidas
mas sempre renovadas
em cada abraço
Tenho saudades de ti e apetece-me
passear a minha mão pelo
corpo que reconheço a tantos
anos de distância
Queria adormecer-te no meu
peito como quando eras menino
Queria-te aqui, ao pé de mim, com
esse sorriso, essa malícia, esse teu
jeito de andar
Vem, apeteces-me.

60 comments:

Era uma vez um Girassol said...

Corei, minha querida Maria, corei mesmo...

"Vem, apeteces-me."

Que lindo...!!!!
Tão simples, tão real...
És o máximo!
Beijinho

anne said...

Escreves lindamente Maria. Teu lugar é feio de poesia, de sussuros e sobretudo possues a excelência na escrita. Agora, conta-me, és a Maria do blog "Cumplicidade"? Nossa,como adorava a minha amiga.
Amei passar por cá, Maria, esse teu lugar, cheira a flores. É um belo lugar para ser visitado. Voltarei, ok? A D O R E I!!!!!

Deixo-te um beijo e parabéns pela tua arte tão mágica.
Anne
http://www.anne_voce.blogger.com.br

Leticia Gabian said...

Maria, Maria!
"... Queria-te aqui, ao pé de mim, com esse sorriso, essa malícia, esse teu jeito de andar
Vem, apeteces-me."

Amiga, me empresta essas palavras?

Paulo Sempre said...

Óhhhhhhhhhhh, "MARIA"..saudades....
Beijo
Paulo

Maria said...

era uma vez um girassol

Sabes que eu, apesar da idade, também coro, às vezes?
É do amor....

Beijinhos

Maria said...

anne

Não, não sou a maria do blog cumplicidades. Sou a maria do cheiro da ilha...

Beijo

Maria said...

Letícia, Minha Amiga

Veio a insónia... felizmente há um computador.
Eu não empresto, eu DOU-TE essas palavras, e todas as outras que tu quiseres...
As palavras eram só minhas antes de as publicar. Agora, são de todas que as lêem...

Beijão grande

Maria said...

paulo sempre

Insónia, também? Fui ler-te.....

Beijo com saudade...

hata/mãe said...

Lindo, como sempre ...


1001 beijinhos

Maria said...

hata/mãe

Tenho passado por ti...
... e só vejo euros...

Beijos, grandes

Vera said...

Querida Maria, as tuas palavras também me apetecem sempre muito!
Quando puderes passa no meu blog... Está lá uma surpresa para ti!

♥*´¯`*.¸¸.*Beijinhos*.¸¸.*´¯`*♥

Gi said...

"Vem apeteces-me!"
Porque será que embora com uma carga de erótica tão pesada esta frase trespassa a ternura do olhar?
Devia ter-te lido ontem á noitinha quando ambas não pegávamos olho :)
ler isto logo de manhã será aconselhável? :O)

beijinhos maria

Besnico di Roma said...

Vem apeteces-me… ?!...
Eu vou, mas o que eu comia agora era uma dobradinha com feijão branco… uhmm bem bom!...
Beijitos miúda, estou bem disposto.

joão marinheiro said...

As saudades são como o gosto da água do mar no primeiro mergulho de olhos abertos...Ficam para sempre.
Abraço enquanto os moinhos ensaiam as velas novas...

Nilson Barcelli said...

Tal como eu, também foste distinguida pelas preferências da Vera.
Não conhecia o teu blogue e, por isso, achei por bem visitar-te.
Li os poemas que estão visíveis na página. Gostei, escreves bem e a distinção da Vera é inteiramente merecida. Parabéns.
Beijinhos.

Maria said...

Vera

Grande partida me pregaste...
Sabes que eu não consigo escolher cinco blogues? E estou a pensar nisto há horas...

Obrigada por me teres incluído na tua escolha...

Beijinhos

Maria said...

gi

Se calhar porque há muito mais de ternura nesta frase do que qualquer outra "coisa"...

Sabes que não importa mesmo a hora? de manhã, tarde, noite, madrugada... é quando apetece....


Beijinhos, Gi

Maria said...

besnico di roma

Dobradinha com feijão branco, não está nada mal...
É mesmo de aproveitar enquanto não vem mais calor...

Beijos, besnico

Maria said...

joão marinheiro

E que bom é mergulhar de olhos abertos naquelas águas transparentes tão nossas conhecidas...

Abraço apertado

rui rebelo said...

lindo!

Maria said...

nilson barcelli

A Vera pregou-nos uma partida, sim...
Também não conheço o teu blog, passarei por lá daqui a bocadinho.

Por agora estou a ver se consigo escolher os meus cinco mais... e é difícil...

Beijinhos

Maria said...

rui rebelo

Obrigada...

poetaeusou said...

///
trinta(mil)vezes repetida
/
inté
///

gaivota said...

Saudade palavra linda quando existe um grande amor, na faixa longa da vida se vai perdendo o seu esplendor...
Como uma memória triste que vai de encontro ao teu amor, aqui longe de tudo eu vou escolhendo o(s) meu(s) amor(ers).
A saudade é aquela palavra nacional que não devia de existir!
Beijo

Márcia(clarinha) said...

perfeito cheiro de saudade com fome do amor...
beijosssssss

sonhadora said...

No sonho me embriago com as suas palavras.
Beijinhos embrulhados em abraços

Gi said...

Maria - venho aqui só para te desapontar. Li-te a ti e ao Paulo sempre :) eram 6 da manhã quando dei por terminada a minha tarefa :) não viste o que foi acrescentado entretanto ? :) Desculpa mas não me destronas. Sou a campeã das insónias lol. A falat de dormir anda a fazer-,me dizer disparates.

Deixo um beijo grande para compensar .

A.S. said...

(...)
Dentro de mim a saudade
irrompe na madrugada
no tempo que foi desfeito
o calor do nosso abraço.
E logo dentro do peito
vi um muro em cada passo,
uma venda em cada olhar,
há uma névoa no espaço
que não posso atravessar.
Galopam cavalos loucos
e em seu louco galopar,
querem fugir da saudade,
da ferida no peito a arder,
mas no meu peito a saudade
nunca deixa de doer!...


Para ti, com um beijo... do meu livro "Passos, Traços e Laços"

peter pan said...

Olá amiga...

Tirei um tempo para descansar e reflectir...

Mas vou voltar com novos projectos...

Bigado pore teres sentido a minha falta...

Td d bom para ty

jinhos até breve

sonhadora said...

Sonho com a lua, com as estrelas, com o meu amor.
Beijinhos embrulhados em abraços

Bia said...

sempre tão lindo Maria! sempre tão autêntico.
Adoro o "apeteces-me"... talvez porque eu seja dona demais de mim para o dizer a alguém, ou esse alguém ainda não tenha chegado á minha vida... não sei, só sei que adoro ler-te revejo-me nas palavras que não consigo escrever.
Um beijoooooooooooooo

João Silva said...

Quanto, à questão dos noctívagos referida nos coments do post dos "remédios", tem sido a minha sina noos ultimos 3 anos ter horários menos "normais". Mais por força das circunstancias que pelo prazer da opção.

Mas tem as suas vantagem...durante as madrugadas podes ter tempo pra ti, pra trabalhar, estudar... pensar... seja para o que fôr sem telemóvel a tocar, ou msn(...ás vezes lol)
bjs

Bia said...

já voltei a escrever, não resisti Maria, tinha de o fazer...
beijo

o alquimista said...

Embriaguei-me com as tuas palavras...


Doce beijo

Eufrázio Filipe said...

UM DIA DESTES ESCREVI ESTA COISA QUE NÃO SEI SE LHE AGRADA.


já não sei se existem horas para amar
se é permitido pintar uma flor
com a boca na tua boca
e ficar assim
eternamente
a respirar

Eufrázio Filipe said...

Tomei a liberdade de a recomendar
no meu ---
mararavel.blogspot.com

Sininho said...

Hoje vim a correr, só para te mandar um beijinho.
Ando com falta de tempo.

Maria P. said...

Saudade de um tempo que não chega.


Beijinho*

Tiago said...

sinto, a saudade, o tempo guardo-o
nas marcas de por ti ter passado,
e ficado, permaneces-me,
sim, sem saudade, permaneces-me,
em desejo e vontade...

um beijo maria
Tiago

Maria said...

poetaeusou

Antes repetida 30 mil vezes do que eternamente calada...

Maria said...

gaivota

Se a palavra saudade não existisse, como diríamos que temos saudade?

Maria said...

márcia (clarinha)

:)

Maria said...

sonhadora

Tem cuidado com a embriaguês.....
hehehe

Maria said...

gi

Não estou aqui para competir com ninguém... muito menos contigo LOL
é impossível tentar alcançar-te, quanto mais competir....

Eu vi a hora, sim, mas pensei que tinhas feito um intervalinho.

Beijinhos apertados

Claudia said...

As saudades.
A vontade.
O querer.

Tudo se resume a isto afinal...

Beijo forte Maria

Maria said...

a.s.

... que eu vou ler, um dia destes...
(só espero o envio daí do norte)

Beijo sentido, Poeta do Amor

Maria said...

peter pan

Gosto de te ver com projectos...

Beijinhos grandes e até já...

Maria said...

sonhadora

É os melhores sonhos que podes ter...

Maria said...

bia

Se as sentires, quando as sentires, vais ver que as escreves...
... eu sei....

Beijo grande e
GOSTEI DE TE VER AQUI

Maria said...

joão silva

Eu sou mesmo noctívaga por opção. É quando trabalho melhor... é quando produzo mais... é quando estou mais concentrada...

Maria said...

bia

QUE BOM!
U
E

B
O
M!
Que bom..., tão bom...

Beijo forte

Maria said...

o alquimista

Ainda Bem!!!!!

Beijo suave

Maria said...

eufrázio filipe

... Se me agrada?
O que escreveste é poesia, Linda!....

Gostava de ter escrito eu essas palavras...

Maria said...

eufrázio filipe

Daqui a meia hora, mais ou menos, faço a "ronda" aos blogues...
... mararavel incluído, claro...

Maria said...

sininho

Então andamos as duas...
Beijinhos

Maria said...

maria p.

... ou saudade de um tempo que já foi...

Beijinhos, Maria

Maria said...

tiago

Com saudade, permaneces-me...
... apeteces-me...

Um beijo, Tiago

Maria said...

claudia

É, Cláudia, percebo-te...
... falta apenas o ir...

Beijo sincero

KA said...

Que poema delicioso Maria!!

Escreves muito bem. Gostei do que vi/li e tenciono voltar :)

Beijinho


Ps - Já te passou pela ideia editares todos estes poemas em livro?

Maria said...

ka

Bom ver-te por aqui... vou conhecer-te a seguir.
Para mim um livro é uma coisa demasiado séria para eu encarar a hipótese de publicar coisas sem a qualidade necessária...

Obrigada, volta sempre

Beijo